Faustão

Faustão

12 horas de trabalho e expulsão de estacionamento: Faustão lida com demissão na Band e sofre com debandada

Faustão ao lado de suas bailarinas na Band; Profissionais denunciaram esgotamento na emissora
Faustão ao lado de suas bailarinas na Band; Profissionais denunciaram esgotamento na emissora- Foto: Reprodução/Youtube

Há 4 meses no ar, Faustão já viu 7 bailarinas pedirem demissão do programa diário

Tratado como a maior aposta da Band para 2022, o ‘Faustão na Band‘ estaria passando por uma crise nos bastidores do canal. Os relatos de indignação partiram das próprias bailarinas do programa, que denunciaram a rotina exaustiva que levam, além do medo constante de serem demitidas.

De acordo com o colunista Lucas Pasin, do UOL, uma onda de demissões, que acontecem desde março, tem deixado as profissionais bastante desanimadas e preocupadas com o futuro do grupo na atração. Além disso, por conta do alto volume de gravações, elas precisam ensaiar em horários alternativos e reclamam de esgotamento.

Para se ter uma noção da debandada no Balé do Faustão, 30 dançarinas que iniciaram com Fausto Silva na Band, em janeiro, sete já foram desligadas, incluindo Paula Santos, destaque no “Dança dos Famosos”, na Globo, e que também chegou até a final do “Dança das Feras”, na Band. A dançarina foi demitida antes mesmo da exibição da final da competição.

Procurada pelo UOL, Paula Santos alegou que não queria entrar em detalhes sobre sua saída, mas demonstrou um descontentamento em sua fala.

Não tenho interesse em levar adiante as coisas que vivi lá. Desejo sorte para quem continua. Para mim é uma página virada. Sou feliz e grata pelo tempo que vivi. Hoje me encontro numa nova fase, inclusive até melhor“, disse a ex-contratada da Band.

Veja também

BAILARINAS RECLAMAM DE CARGA DE TRABALHO EXCESSIVA

Bailarinas do Faustão estariam insatisfeitas com a rotina desgastante de trabalho
Bailarinas do Faustão estariam insatisfeitas com a rotina desgastante de trabalho- Foto: Divulgação/Band

Outras bailarinas que foram desligadas do ‘Faustão na Band’ explicaram nas redes sociais que a rotina de trabalho estava muito pesada e segundo a apuração do UOL, além de passarem mais de 12 horas nos estúdios da Band, ainda precisavam fazer tarefa de casa para decorar coreografias. As bailarinas chegaram a ensaiar por vídeo, de madrugada, após gravar durante todo o dia.

Outro motivo de descontentamento é que o trabalho no Balé do Faustão tem ocupado todo o tempo das profissionais que perdem oportunidades de ganhar dinheiro com outros trabalhos. Na Globo, elas conseguiam realizar ações como modelo em eventos, por exemplo, e hoje não sobra tempo.

Uma fonte do UOL também relatou que as bailarinas vivem com medo de perderem o emprego e para isso aceitam situações que as desagradam, desde as mais simples, como serem proibidas de parar o carro no estacionamento da Band, precisando caminhar, à noite, quando deixam as instalações do canal. 

As parceiras de palco de Faustão já reclamaram sobre a situação de trabalho e o medo com o futuro, mas não foram ouvidas pela direção do programa.

BAND NEGA AS RECLAMAÇÕES DAS BAIALRINAS

Procurada pelo UOL, a Band negou as denúncias e disse que as informações divulgas pela coluna não procedem.

VÍDEO YOUTUBE: Escândalo! Gusttavo Lima usa mais de R$ 1 milhão de dinheiro público 

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários