Novelas

A Vida da GenteNovelas

A Vida da Gente: Na íntegra! Manuela ataca Ana que enfia mão na ferida da irmã em briga; saiba como será o embate

Ana e Manuela teve emblemático confronto em A Vida da Gente (Foto: Montagem/TV Foco/Reprodução/Globo)
Ana e Manuela teve emblemático confronto em A Vida da Gente (Foto: Montagem/TV Foco/Reprodução/Globo)

A melhor cena da novela A Vida da Gente? Saiba com detalhes como será a cena de briga entre as irmãs Ana e Manuela

Há uma cena de A Vida da Gente que se tornou famosa que é o embate entre as irmãs Manuela (Marjorie Estiano) e Ana (Fernanda Vasconcellos). Antes de mais nada, tenho que dizer que é HOJE! 20 de julho será exibido esse momento emblemático na edição especial da novela.

Em primeiro lugar com data marcada, Ana pedirá para conversar com Manuela e a convidará pessoalmente para o seu casamento com Lúcio (Thiago Lacerda). Seja como for a mais velha recusará inicialmente dizendo que trabalhará. Porém, a mais nova insiste.

Ana pedirá para a irmã se colocar no lugar dela e isso faz com que Manuela perca a paciência já que ela interrompe a irmã para dizer que justamente por se colocar no lugar dos outros, acima de tudo, jamais a trairia.

NA ÍNTEGRA:

Ana – Desse jeito que você fala parece que eu matei.

Manuela – Você matou! Você matou a nossa amizade, você matou a minha confiança, você matou o amor que eu sentia e pior ainda, para nada, por mero capricho.

Veja também

A – Como assim capricho? Do que você está falando?

M – Estou falando de você ter destruído a minha relação com o Rodrigo (Rafael Cardoso) para nada! Por que nem coragem de bancar essa decisão você teve! Quando eu decidi ficar com o Rodrigo lá atrás, Ana, todo mundo dizia que o seu coma não tinha mais volta. Mas, ainda assim, foi difícil bancar essa decisão de me casar com ele e eu BAQUEI e você sabe por quê? Porque eu sou adulta. Porque eu não daria um passo para tomar uma decisão desse tamanho envolvendo a Júlia (Jesuela Moro) para depois amarelar e voltar para trás.

A – Não amarelei coisa nenhuma! – interromperá a treinadora de A Vida da Gente.

M – Eu banquei porque eu amava o Rodrigo com todo o meu coração Ana, de um jeito que você não faz ideia, de um jeito que você não vai entender nunca porque você não sabe o que que é isso. AMOR! Você usa as pessoas, você é o centro do universo e até a atenção exagerada que a mamãe sempre te deu a vida inteira que você dizia detestar, hoje eu me pergunto se ela não te cabia muito bem pelo visto.

A – Não vou levar em consideração o que você está falando Manuela, você está magoada!

M – Magoada? É pouco! Eu estou destruída há meses, tentando refazer minha vida e por essa razão você não tem direito de se fazer de vítima de vim até aqui falando que o fato de eu te me afastado de você É UMA INJUSTIÇA.

 DISCUSSÃO COMEÇA MORNA

Manuela, mulher de cabelo liso preto, usando casaco branco, em cena da novela A Vida da Gente
Manuela despeja toda a raiva na irmã (Foto: Reprodução/Globo)

A – Desculpa! – Ana chorará. – O que eu posso fazer para você me perdoar?

M – SE AFASTAR DE MIM ANA! ME DEIXAR EM PAZ! Isso você pode fazer. E começa também a tomar cuidado com as outras pessoas, com o que elas sentem, porque pelo visto…

A – Pelo visto o quê?

M- Você ainda continua fazendo a mesma coisa, não é? Só que a vítima, dessa vez, é o Lúcio.

A – Que história é essa de vítima? Tudo tem limite, viu Manuela, e eu não vou admitir que você fale da minha relação com o Lúcio.

M – Quê? Da sua relação? Relação implica em duas partes. Uma percebendo a outra. Uma cedendo em nome da outra. Você não tem e nunca vai ter relação com ninguém. Sedução é uma coisa e nisso, eu admito, nisso eu concordo que você é muito boa. Em flerte, encantamento, namoro, agora o seu repertório para por aí. Sabe por quê? Para ter uma relação precisa ter respeito mútuo. E você não respeita NIN-GUÉM! NADA! A não ser a sua própria vontade.

NETA DE INÁ LEVA O BAQUE

A – Se esse é o tom da conversa, desculpa, mas eu vou embora…

Ana em cena de A Vida da Gente
Ana sente o impacto das falas da irmã em A Vida da Gente (Foto: Reprodução/Globo)

M – Isso, muito bom, vai embora, nem para uma conversa difícil você é capaz de bancar. É isso mesmo que você faz, dá as costas e foge. Vai! Deixa que depois os outros arrumem o caos que você deixou

A – Escuta aqui. Quem você pensa que é para subir aí nesse seu pedestal e falar de coragem quando na verdade…

M- Na verdade o quê? Do que você está falando? – provocará.

A – Da sua covardia! Do seu golpe baixo de ter deixado a minha filha no momento em que ela mais precisava de você.

M – Eu fui embora porque eu precisava, porque eu não tinha condições naquele momento.

A – Ah, não tinha condições? Coitadinha né? Não tinha condições de agir como a adulta que você diz que é para ajudar a própria filha.

M – Eu não deixei a Júlia sozinha, ela também é sua filha Ana!

A – Ah agora que te interessa eu também sou a mãe dela! – retrucará.

M – Olha aqui é melhor a gente encerrar essa conversa…

BRIGA SEGUE INTENSA

A – MELHOR PARA QUEM? Melhor para você? Por que é muito fácil você apontar o dedo na minha cara como se você fosse íntegra, COMO SE VOCÊ CERTA!

M – Você me desculpa Ana, mas perto de você…

A – PERTO DE MIM O QUÊ? Manuela, você é o centro do universo. Você deu as costas para a minha filha no momento em que ela mais precisou de você. DEIXOU ela se desestabilizar. DEIXOU ela sofrer, me rejeitar porque assim você se afirmava a mãe verdadeira, não é? A mãe perfeita! E ainda de quebra destruiu qualquer possibilidade de entendimento entre mim e o Rodrigo.

A – Você me acusa de ter amarelado de ter voltado na minha decisão, mas fique sabendo que eu não fiquei com ele por sua causa, porque você minou essa relação quando se recusou a fazer uma ponte entre mim e a Júlia. Sabe o por quê? Para se vingar! Se vingar do fato do Rodrigo ainda me amar.

M – CALA A BOCA, ANA! 😡 NÃO SOU OBRIGADA FICAR OUVINDO ISSO. Estou na minha casa.

Manuela perde a linha e grita (Foto: Reprodução/Globo)
LEIA MAIS:

A – É obrigada sim porque essa casa deveria ser minha. Essa vida deveria ser minha. E a Júlia é MINHA FILHA. Não é sua. Você ouviu bem? Minha história do Rodrigo foi abortada duas vezes. A primeira pela minha mãe e a segunda por você que impediu que a gente tentasse. Quer saber? Não adianta Manuela. Mesmo que a gente não fique juntos, mesmo que o mundo inteiro impeça o amor que a gente sente um pelo o outro continuará existindo – jogará na cara da irmã.

M – Para e ouve o que você acabou de dizer… Você acabou de dizer que seu amor pelo Rodrigo continua existindo e ao mesmo tempo que você vem com o convite desse casamento idiota na mão.

A – Não quis dizer isso em relação ao Rodrigo, Manu.

M – Ah não!? Você nunca quer dizer nada não é? Você é sempre bem intencionada. Deixa eu te falar uma coisa Ana, de boas intenções o inferno está cheio. E, sendo assim, libera o Lúcio, vai. Ele é um cara bacana, não merece ser usado por uma pessoa como você.

No fim, Ana fica tão desestabilizada que pegará a sua bolsa após esta fala da irmã e sairá sem dizer nada. Manuela fica petrificada e sozinha.

Será que é o fim definitivo do amor das irmãs?

A Vida da Gente que, em breve, será substituída por Nos Tempos do Imperador.

VÍDEO YOUTUBE: Wanessa Camargo e Dado Dolabella se assumem em relação e família descobre

Quem escreve

Thais Teles

Apaixonada por desenhos, fã de Jogos Vorazes, admiradora de Frida Kahlo, adora se perder no catálogo da Netflix e se emocionar com Coldplay. Desde menina sempre foi apaixonada por televisão, noveleira assídua desde as tramas alá Maria do Bairro ou intensas como o furacão Carminha. Formada em Publicidade e Propaganda em 2014. Escreve desde que se conhece por gente. Foi no ano de 2017 que integrou oficialmente o time TV Foco e desde então adora fofocar e dar spoilers das novelas. 

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários