COMO ASSIM?!

Fim de uma era nos ônibus:  Adeus de cartão é confirmado e substituto entra em vigor para milhões

07/06/2024 às 6h20

Por: Lennita Lee
Imagem PreCarregada
Nova bilhetagem entra em vigor em cidade brasileira (Foto Reprodução/Montagem/Lennita/Tv Foco/Canva)

Milhões de brasileiros já podem fazer uso de um novo sistema de bilhetagem nos ônibus

E um cartão de ônibus, usado para viabilizar o transporte de ônibus em cidade brasileira, deu adeus a modalidade de transporte neste ano de 2024.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Estamos falando do Riocard, cujo sistema de bilhetagem atende cerca de 6 milhões de moradores da cidade do Rio de Janeiro há duas décadas, mais precisamente desde 2004.

De acordo com o portal O Globo, ele foi substituído por um novo sistema de bilhetagem, cujo qual está em vigor desde fevereiro de 2024, o Já É!

Vale relembrar que, ainda no dia 18 de julho de 2023, o  prefeito Eduardo Paes (PSD), a secretária municipal de Transportes, Maína Celidonio, e a diretora-presidente da Mobi-Rio, Claudia Seccin, apresentaram cronograma de migração desse novo sistema, cujo qual foi executado de forma gradual.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


Eduardo Paes ainda afirmou que essa nova bilhetagem faz parte da reconstrução do transporte público da cidade.

Veja também

Números expostos:

De acordo com o Diário do Transporte, só no mês de abril deste ano de 2024, o sistema Jaé realizou 84.262 transações.

No mesmo período o sistema Riocard, a quem o Jaé deve substituir, alcançou mais de 10 milhões.

A Secretaria Municipal de Transportes do Rio de Janeiro, afirma que já concluiu a instalação dos validadores do sistema de bilhetagem digital do Jaé em todos os 3,8 mil ônibus urbanos do município.

Apesar de concluída a instalação dos validadores do Jaé a prefeitura não informa se todos estão ativos.

Pelos dados coletados no site da prefeitura, de 19 de julho de 2023 (quando foi dado a largada para a implantação do novo SBE) até o dia 02 de maio de 2024, o Jaé registrou movimentação financeira média diária de apenas R$ 314.

Vale destacar que esses números do Jaé e da Riocard Mais ficam disponíveis na área de transparência do SMTR. Jm.

No total, o Jaé realizou mais de 400 mil transições.

O sistema:

Além do cartão físico, os usuários do Jaé poderão pagar a passagem usando o celular, por meio de QR Code.

Basta baixar o aplicativo do novo sistema de bilhetagem, já disponível por Android e IOS, ou acessar o site para criar uma conta.

Por meio do aplicativo também é possível:

  • Ver o saldo;
  • Ver o extrato;
  • Fazer recarga;
  • Solicitar o cartão;
  • Bloquear o cartão;
  • Cancelar o cartão;
  • Pedir segunda via do cartão.

De acordo com o Via Trolebus com este novo sistema, o saldo não expira e não há prazo definido para que o usuário utilize o crédito.

Gratuidade:

Conforme exposto pelo próprio site da Ja É! são comtemplados com a gratuidade:

  • Idosos (+65 anos)
  • PCDs
  • Pacientes com doenças crônicas em tratamento
  • Estudantes da rede pública
  • Universitários beneficiados por programas sociais do Governo ou com renda familiar de até um salário mínimo

Mas e o Rio Card? Ele vai acabar de vez?

De acordo com o portal G1, a resposta para essa pergunta é não, pelo menos não totalmente.

Até porque o RioCard é o único homologado, no momento, para ser usado nos transportes geridos pelo governo estadual como os trens da Supervia, o Metrô Rio e as Barcas.

E mesmo quando o Jaé for integralmente implantado, o RioCard deverá ser apresentado nos validadores nas integrações intermunicipais.

Isso porque desde fevereiro, quem vem de outro município e pega um dos modais da prefeitura deve passar os dois cartões no validador — primeiro o RioCard, depois o Jaé — para receber o abatimento.

🚨 Ex de Nahim em gu3rra com filha do cantor + Faustão e Fernanda Montenegro esnobam a Globo + Fraude de Matteus 

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia e os bastidores das principais emissoras brasileiras. Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ... Atualmente escrevo notícias sobre os últimos acontecimentos do cenário econômico, bem como novidades sobre os principais benefícios e programas sociais.

Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.