Adriana Araújo

Adriana Araújo

Adriana Araújo paralisa programa de Neto e confirma morte de jornalista na Band: “Uma notícia urgente”

Adriana Araújo paralisa programa de Neto e confirma morte de jornalista na Band: "Uma notícia urgente"
Adriana Araújo e Neto (Foto: Reprodução/Band)

A âncora interrompeu programação e anunciou morte de jornalista e indigenista

Diante de uma notícia urgente envolvendo a morte de um jornalista, nesta quarta-feira (15), Adriana Araújo interrompeu Os Donos da Bola de Neto para confirmar com exclusividade o que teria acontecido, informando que Dom Phillips e Bruno, indigenista, foram assassinados no Amazonas.

Para quem não sabe, os dois viajaram à região norte do pais e foram dados como desaparecidos por nada menos que 11 dias. A polícia conseguiu deter os suspeitos do crime e eles acabaram confessando que mataram os dois, após se sentirem ameaçados ao verem o jornalista britânico tirando fotos da pesca ilegal que praticavam.

Assim que Neto convocou Adriana Araújo, ela deu a informação com exclusividade: “O destaque é uma notícia urgente que acaba ser confirmada, segundo o jornalista da Band, Valteno de Oliveira, dois suspeitos de terem assassinado o jornalista britânico e também o indigenista Bruno Araújo, confessaram o crime”, iniciou a âncora.

Segundo Adriana Araújo, a morte só foi confirmada depois dos policiais voltarem ao local do crime com os suspeitos. Eles disseram que realmente cometeram o assassinato, esquartejaram o corpo dos rapazes e abandonaram os vestígios em uma vala.

“O crime teria sido motivado porque Dom Phillips fazia fotografias denunciando a pesca ilegal no Amazonas, que era suspeita desde o começo da ligação de desaparecimento dos dois. Estão desaparecidos há 11 dias, e agora, portanto, os suspeitos teriam confirmado a morte“, concluiu a comandante do Boa Tarde São Paulo.

Veja também

Adriana Araújo confirmou morte de jornalista e indigenista durante o Boa Tarde São Paulo (Foto: Reprodução/Band)

SAIBA MAIS

Por mais que fosse britânico, Dom Phillips morava no Brasil há nada menos que 15 anos. O jornalista estava por trás de um projeto social em Salvador e ensinava inglês gratuitamente à crianças da periferia. Por incrível que pareça, o indigenista Bruno Pereira falou em risco de morte dias antes de desaparecer.

VÍDEO YOUTUBE: Luto! Anne Lottermann, do Faustão, encara a morte de perto

Quem escreve

Bianca Santos

Bianca respira comunicação desde os 15 anos e se tornou uma radialista especializada em redação. É apaixonada por escrever sobre o mundo das celebridades e busca informar o leitor sem deixar a descontração de lado.

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários