Adriana Araújo

Adriana Araújo, punida na Record por causa de Bolsonaro, esmaga presidente novamente e dá basta: “Não faço parte”

Adriana Araújo surpreendeu com nova crítica a Bolsonaro - Foto: Reprodução
Adriana Araújo surpreendeu com nova crítica a Bolsonaro – Foto: Reprodução

Adriana Araújo voltou a criticar o presidente Jair Bolsonaro mesmo após ter sido punida pela Record e tirada à força do jornal que comandava

A jornalista Adriana Araújo, como os leitores do TV Foco já tomaram conhecimento, foi punida na Record por causa de algumas publicações feitas em seu perfil no Instagram com críticas ao modo como o governo do presidente Jair Bolsonaro vem se portando perante a pandemia de Coronavírus no Brasil e no mundo.

Na época, o Ministério da Saúde, já sem um ministro “oficial” após a saída de Nelson Teich do cargo, havia decidido atrasar os relatórios de morte diários por Coronavírus para fugir da divulgação feita nos telejornais. A medida mirava principalmente o Jornal Nacional, mas também atingia em cheio o Jornal da Record.

+Mayra Cardi, após proibição com polícia envolvida, fala sobre Arthur Aguiar e manda recado para o ex: “Obrigada”

+Cantor confirma início de relacionamento com Roberto Carlos e expõe surpresa com o caso: “Bom poder falar”

+No Altas Horas, Luciano chora em frente à milhões, fala a verdade para Zezé e irmão estraçalha: “Privilégio de ver”

Algumas semanas depois, veio a bomba: Adriana Araújo não faria mais parte da bancada do maior telejornal da emissora onde está há quase duas décadas, sendo transferida para o Repórter Record Investigação e substituída no JR por Christina Lemos, conhecida por seu trabalho na cobertura do mundo político em Brasília.

Adriana Araújo viralizou com denúncia - Foto: Reprodução/Montagem
Adriana viralizou com denúncia – Foto: Reprodução/Montagem

Mas se engana quem acha que Adriana Araújo cedeu a essa punição e ficou calada, sem se posicionar. Em seu perfil no Instagram, no dia em que o Brasil chegou ao número de 100 mil mortes por Coronavírus, a jornalista mandou uma indireta daquelas para o presidente, que já reagiu com “e daí?” a uma pergunta sobre o tema.

“Não faço parte desse grupo”

Além disso, Adriana Araújo criticou quem minimiza o número de mortos. O presidente, vale recordar, não se solidarizou e nem declarou luto oficial pelas 100 mil vítimas fatais por Covid. “100 mil vidas que se foram. 100 mil. Há quem pense que é pouco. Que é inevitável. E daí? Não faço parte desse grupo”, disparou ela.

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Fernando Lopes

Escreve sobre televisão desde 2013.