Novelas

Amor de MãeNovelas

Amor de Mãe: autora da novela não gosta que atores mudem texto de suas tramas: “Respeitem”

Adriana Esteves (Thelma), Regina Casé (Lurdes) e Taís Araújo (Vitória) são as protagonistas de Amor de Mãe (Foto: Globo/João Cotta)
Adriana Esteves (Thelma), Regina Casé (Lurdes) e Taís Araújo (Vitória) são as protagonistas de Amor de Mãe (Foto: Globo/João Cotta)
Adriana Esteves (Thelma), Regina Casé (Lurdes) e Taís Araújo (Vitória) são as protagonistas de Amor de Mãe, nova novela das nove da Globo (Foto: Globo/João Cotta)
Adriana Esteves (Thelma), Regina Casé (Lurdes) e Taís Araújo (Vitória) são as protagonistas de Amor de Mãe, nova novela das nove da Globo (Foto: Globo/João Cotta)

Autora de Amor de Mãe, próxima novela das nove da Globo, Manuela Dias não gosta que atores de suas tramas improvisem e mudem o texto que ela escreveu

Manuela Dias, autora de Amor de Mãe, a nova novela das nove da Globo, é do “estilo Walcyr Carrasco” (criador de A Dona do Pedaço) e também não gosta que atores mudem o texto que ela escreveu. “Respeito muito o trabalho de cada um e gosto que respeitem o meu também”, pontua a escritora.

Responsável pelas minisséries Justiça e Ligações Perigosas e prestes a estrear no horário das 21h da Globo com Amor de Mãe, Manuela Dias declarou em entrevista ao cineasta e jornalista Orlando Senna, em 2015, que não gosta que os atores de suas tramas façam alterações no texto que ela escreve.

Manuela Dias, autora da novela Amor de Mãe (Foto: Globo/Luiz C. Ribeiro)
Manuela Dias, autora da novela Amor de Mãe (Foto: Globo/Luiz C. Ribeiro)

“O ator já tem muito com o que se preocupar ao interpretar um texto. Às vezes sinto que existe uma onda de ator mudar o texto, trazer as palavras para perto da sua experiência. Mas os atores que eu admiro e com os quais tenho vontade de trabalhar fazem o caminho inverso, eles vão até o texto”, disse a escritora de Amor de Mãe na época.

“Eu por exemplo, faço cerca de dez tratamentos de cada capítulo, mesmo sendo para TV, acabei de passar quase dois anos fazendo uma minissérie de dez capítulos, pensando e repensando cada cena e cada fala. Por isso, não acredito que em cinco minutos, na correria do set, o ator terá uma ideia melhor do que a que levou dois anos para ser destilada”, disparou Manuela Dias, que disse aceitar sugestões, desde que sejam feitas com antecedência.

“Assim como eu não tenho como opinar em cada inflexão ou contribuição da representação, o ator não é exatamente um colaborador de texto. O que não quer dizer que eu não escute opiniões, realmente amo trabalhar em parceria e aprendo muito com isso. O trabalho com Selton Melo foi um exemplo disso, ele estudava o texto e algumas vezes me ligou pra conversar e mudei cenas por causa disso. Com antecedência, estou sempre aberta para ouvir quem quer que seja, mas se for para mudar ou retrabalhar um diálogo, quem faz isso sou eu. Não abro mão da redação final do meu texto”, afirmou a autora de Amor de Mãe.

Veja também

“Eu aproveito muito os meus colaboradores para fazer escaleta, mas escrevo diálogo sempre sozinha. Tanto da minissérie de 10 capítulos, quanto na de 20, quanto da novela que estou começando. Para mim é a parte mais autoral do processo. Eu gosto de escrever o nível genético da palavra, etimológico. Pode parecer arrogância minha, mas respeito muito o trabalho de cada um e gosto que respeitem o meu também”, concluiu Manuela Dias.

VÍDEO YOUTUBE: Guerra de Sonia Abrão e Catía Fonseca explode "Falsa"

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários