Especiais

Especiais

Angélica, descoberta na adolescência, construiu uma carreira brilhante e um currículo de sucesso

Angélica agora é contratada da HBO Max (Foto: Reprodução)
Angélica possui uma carreira de mais de 30 anos na TV (Foto: Reprodução)

Angélica tem um vasto currículo em sua carreira artística

A apresentadora Angélica iniciou a carreira muito nova, aos 13 anos de idade, em 1987, e hoje, com 48 anos, ela construiu um vasto currículo profissional, durante os 35 anos de atividade.

A famosa, esposa de Luciano Huck, foi descoberta pelo diretor Maurício Sherman, nos corredores da extinta TV Manchete. Segundo ele, quando ele conheceu Angélica, logo viu que ela tinha um grande potencial artístico. Então, ela iniciou no comando do infantil Nave da Fantasia, em abril de 87, substituindo Simony, que por sua vez, migrava para o SBT.

Mas, o seu sucesso maior se deu quando ela substituiu Xuxa no comando do Clube da Criança, em outubro de 87. De início ela dividiu o comando do programa com o ator Ferrugem, mas logo ele deixou a atração e ela passou a comandar a mesma sozinha.

Na época, ela ficou bastante conhecida pelos bordões “Um Beijãozão” e “Bye que Bye Bye Bye”. Angélica contava no programa com várias assistentes de palco, que inicialmente foram chamadas de Clubetes, época em que Camila Pitanga fez parte do time de assistentes, depois, passou a se chamar Angelicats, e contou com famosas atrizes como  Giovanna Antonelli, Juliana Silveira, Amanda Pinheiro e Geovanna Tominaga, na época elas ainda não atuavam em novelas.

O sucesso de Angélica foi tanto, que ela virou até mesmo marca de bonecas, cosméticos e personagens de revista em quadrinhos lançados pela editora Bloch Editores.

Veja também

No ano seguinte, paralelamente ao Clube da Criança, Angélica ganhou um programa nas tardes de sábado na emissora, o Milk Shake, programa de atrações musicais. O programa também fez bastante sucesso, tanto que Angélica acabou sendo contratada pela CBS Records, onde lançou o seu primeiro álbum como cantora. Álbum este que lhe rendeu o sucesso Vou de Táxi.

Ainda na Rede Manchete, Angélica protagonizou em 1991 a minissérie O Guarani, no papel de Cecília de Mariz. No total, ela esteve na Manchete durante seis anos, entre 1987 e 1993.

Ao deixar a Manchete, Angélica migrou para o SBT, onde comandou programas como Casa da Angélica, TV Animal e Passa ou Repassa. Ela estreou no SBT em agosto de 1993, com o Casa da Angélica, o programa era exibido no período da tarde e contava com desenhos animados, musicais, brincadeiras com a plateia e quadros de humor, dos quais Angélica participava com vários personagens.

Anos depois, em abril de 1995, ela passou a substituir Gugu no comando do Passa ou Repassa e TV Animal, que passaram a ser exibidos diariamente. Não demorou, e ela logo se firmou como a queridinha das crianças e dos adolescentes.

Diante do grande sucesso de Angélica, a Globo acabou fazendo uma proposta irrecusável para a apresentadora, e em maio de 1996, ela deixou o SBT e migrou para a emissora carioca.

Na Globo, ela permaneceu se dedicando ao público infantil até o ano de 2001, no comando de programas como Angel Mix, Caça Talentos, Flora Encantada e Bambuluá.

Angélica
Angélica fez bastante sucesso entre o público infantil nas décadas de 80 e 90 (Foto: Reprodução)

Já no ano de 2001, Angélica resolveu mudar o seu público e focou no seu amadurecimento, se dedicando ao público adulto.

Sendo assim, o primeiro projeto dela para este público foi o consagrado Vídeo Game exibido sempre após o Vídeo Show, sendo uma extensão do programa. A atração ficou no ar até 2011. Tendo uma edição especial no ano de 2017.

Um ano depois, em 2002, ela assumiu um novo desafio, o comando do reality musical Fama, que ficou no ar no canal até 2005, tendo ao todo quatro temporadas.

Uma curiosidade, é que Angélica participou de alguns episódios do infantil Sítio do Picapau Amarelo, disfarçada de Cuca. Em 2003, ela, juntamente com André Marques passou a comandar a edição de sábado do extinto Vídeo Show, que exibia os melhores momentos da semana da atração.

Já em 2006, a edição de sábado  do Vídeo Shoe, foi substituído pelo Estrelas, apenas sob o comando de Angélica, o programa ficou no ar até 2018. Após isso, a apresentadora passou um período afastada da TV e retornou apenas cerca de dois anos depois, em 2020, com o Simples Assim.

O programa, porém, ficou poucos meses no ar, estreou em outubro, e foi finalizado em dezembro do mesmo ano. Em janeiro do ano passado, Angélica estreou no Globoplay o Cartas para Eva, especial exibido no GNT, que virou um programa na plataforma de streaming global.

NOVO TRABALHO

Porém, logo o contrato dela com a Globo chegou ao fim e não foi renovado. Atualmente a artista é contratada do HBO Max, onde recentemente estreou o seu novo programa, o Jornada Astral.

A torcida de todos é que a apresentadora retorne muito em breve para a programação da TV aberta, pois, apesar dela estar na plataforma de streaming, sentimos falta dela na TV!

Angélica atualmente é contratada da HBO Max (Foto: reprodução)
Angélica atualmente é contratada da HBO Max (Foto: reprodução)

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários