Celebridades

Celebridades

Apoiador de Bolsonaro, Silvio Santos terá musical autorizado a captar R$ 10 milhões na Lei Rouanet

A vida do apresentador Silvio Santos, um dos maiores nomes da televisão brasileira, será destaque em diversas produções nos próximos anos. Uma delas será o musical Silvio Santos Vem Aí, que vai ser encenado em São Paulo e ficará na história do dono do SBT.

Com texto de Emílio Boechat e Marilia Toledo e produzido pelas Paris Filmes, esse musical foi autorizado a captar R$ 10 milhões via Lei Rouanet, que permite a patrocinadores descontarem do Imposto de Renda valores que são destinados à cultura. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

+Mariana Ferrão vai mal na pista e é eliminada da Dança dos Famosos

A notícia causou reações negativas de alguns grupos pelo fato de Silvio Santos ser apoiador declarado de Bolsonaro. O presidente eleito do Brasil já discursou muitas vezes contra a Lei. Vale destacar que o musical, embora seja sobre Silvio, não será produzido por ele.

SILVIO SANTOS FAZ ALGO DIFERENTE NO SBT

Veja também

De dezembro a março, a direção do SBT já determinou que as produções entrem em férias. Algumas, das várias atrações da emissora, serão exibidas em reprises. O Programa do Ratinho e o talk show The Noite, por exemplo, vão seguir esse modelo.

De acordo com informações do jornalista Flávio Ricco, do UOL, essa, no entanto, não será uma medida usada por Silvio Santos, dono da emissora. Silvio antecipou suas gravações e vai exibir apenas programas inéditos aos domingos.

O Fofocalizando é outro que vai sofrer com as férias da emissora. Tudo acontecerá basicamente igual ao final do ano passado, com a diferença de não ter apresentadores substitutos, mas um revezamento de folgas. Gabriel Cartolano, além de fixo, virou o tapa buraco do programa de fofocas.

Flávio Ricco é da UOL e escreve uma coluna diária sobre televisão dentro do portal.

VÍDEO YOUTUBE: Ex-funcionária faz grave denuncia contra R.R Soares

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários