Pantanal

NovelasPantanal

Após dar destaque ao cramulhão, Globo se redime e Pantanal paga ‘dízimo’ a novelas bíblicas para batizar Juma

Padre (Cacá Amaral) conseguiu convencer Juma (Alanis Guillen) a se batizar em Pantanal e público se lembrou das novelas da Record TV (Foto: Reprodução / Globo)
Padre (Cacá Amaral) conseguiu convencer Juma (Alanis Guillen) a se batizar em Pantanal e público se lembrou das novelas da Record TV (Foto: Reprodução / Globo)

Pantanal paga ‘dízimo’ a novelas bíblicas para batizar Juma.

Foi difícil, mas o Padre (Cacá Amaral) conseguiu convencer Juma (Alanis Guillen) a se batizar em Pantanal no capítulo desta quarta-feira (20) no remake assinado por Bruno Luperi. Inevitavelmente, as sequências foram associadas aos folhetins bíblicos da Record TV, em que cenas de batismo são fundamentais.

Os internautas brincaram que a Globo teve que pagar uma espécie de ‘dízimo’ para a Record TV ao exibir as cenas de Juma sendo batizada na novela das nove da Globo, algo quase inédito na emissora carioca.

SAIBA MAIS! Vem à tona como Tenório fez fortuna em Pantanal e podres do grileiro são chocantes: “Criminoso”

A Globo se redimiu com a cena, visto que dá bastante destaque ao cramulhão através das previsões de Trindade (Gabriel Sater), onde capítulo da última quarta-feira (20), foi dedicado ao tema espiritual.

Velho do Rio (Osmar Prado) acompanhou o momento de longe, enquanto a menina-onça foi ungida nas águas do rio em uma sequência típica das produções da emissora de Edir Macedo. “Eu te batizo Juma Marruá, filha de Gil e Maria Marruá. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo… Amém”, proferiu o sacerdote em Pantanal.

Veja também

Nas redes sociais, os fãs de Pantanal fizeram questão de lembrar dos folhetins bíblicos da Record TV. “Momento novela da Record”, escreveu Tati Bosso no Twitter.

Houve também quem aproveitou para cutucar a emissora rival. “Juma sendo batizada nas águas numa novela que bate mais de 20 pontos no ibope”, publicou um usuário da rede social do passarinho, referindo-se à audiência das novelas bíblicas, que costumam ser inferiores às globais.

Padre (Cacá Amaral) conseguiu convencer Juma (Alanis Guillen) a se batizar em Pantanal e público se lembrou das novelas da Record TV (Foto: Reprodução / Twitter)
Padre (Cacá Amaral) conseguiu convencer Juma (Alanis Guillen) a se batizar em Pantanal e público se lembrou das novelas da Record TV (Foto: Reprodução / Twitter)

 

Web repercutiu cena de batismo de Juma (Foto: Reprodução / Twitter)
Web repercutiu cena de batismo de Juma (Foto: Reprodução / Twitter)

 

Público ficou em polvorosa com batismo de Juma em Pantanal e lembraram de tramas bíblicas (Foto: Reprodução / Twitter)
Público ficou em polvorosa com batismo de Juma em Pantanal e lembraram de tramas bíblicas (Foto: Reprodução / Twitter)

SEMELHANÇA COM TRAMAS BÍBLICAS

A emissora da Barra Funda exibe cenas de batismo em suas tramas bíblicas. Um exemplo é em Amor Sem Igual (2021), atualmente em reprise nas noites da emissora de Edir Macedo, onde Angélica/Poderosa (Day Mesquita) foi batizada após deixar a vida de prostituição.

Em Jesus (2018), João Batista (Iano Salomão) batizou Jesus (Dudu Azevedo) nas águas do rio Jordão, outra cena marcante dos folhetins bíblicos da Record TV. Já o sacramento também já foi exibido em Apocalipse (2017).

Na novela considerada o maior fiasco de todas as tramas bíblicas do canal, quem se batizou foi Benjamin (Igor Rickli), que de ateu se rendeu a fé, pedindo perdão a Deus na novela da Record TV.

Jesus (Dudu Azevedo) em cena de batismo na novela da Record TV, semelhante ao de Juma (Alanis Guillen) em Pantanal (Foto: Reprodução / Record)
Jesus (Dudu Azevedo) em cena de batismo na novela da Record TV, semelhante ao de Juma (Alanis Guillen) em Pantanal (Foto: Reprodução / Record)

VÍDEO YOUTUBE: Ex-funcionária de Xuxa denuncia situação de prostituição

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários