Adriana Araújo

Adriana Araújo

Em guerra com Edir Macedo nos tribunais, Adriana Araújo detona recado em sua estreia na Band: “Eu tinha direito”

Adriana Araújo
Adriana Araújo, ex-Record, estreou na Band no último domingo (Foto: Reprodução)

A jornalista revelou um bastidor de sua estreia na emissora do Morumbi

Depois de quase 2 anos afastada da TV, desde sua conturbada saída da Record, Adriana Araújo finalmente voltou ao ar no último domingo (09), durante o Canal Livre, na Band. 

A jornalista foi contratada em dezembro pela emissora do Morumbi e deve assumir, a partir de março, um jornal na faixa do almoço, até lá, ela deverá fazer participações pontuais em outras atrações da Band, assim como fez na edição mais recente do Canal Livre.

Inclusive, para registrar o momento especial de sua estreia no novo canal, Adriana Araújo foi até seu perfil oficial no Instagram e deixou um recado para seus seguidores.

“Estreia dupla! Sim! Eu na Band e o Eduardo Oinegue na apresentação do Canal Livre. Pela primeira vez ele foi escalado para substituir o Rodolfo Schneider e me contou isso pouco antes de começarmos a gravar. Mas combinamos que só eu tinha direito de ficar nervosa. 🤣 Valeu, Oinegue! Tá no ar na Band hoje as 11 da noite”, detonou a ex- Record.

Adriana Araújo
Adriana Araújo compartilhou um bastidor de sua estreia na Band (Foto: Reprodução)

Nos comentários da publicação, vários famosos deixaram votos de boas vindas para Araújo na nova emissora. Edu Guedes do The Chef e Laura Ferreira, do Jornal da Band foram alguns desses.

Veja também

ADRIANA ARAÚJO VIVE GUERRA NOS TRIBUNAIS CONTRA EMISSORA DE EDIR MACEDO

Mesmo de casa nova, a história entre Adriana Araújo e Record está longe de terminar, isso porque, a ex-âncora da emissora de Edir Macedo entrou com uma ação trabalhista contra o canal e trava uma batalha nos tribunais há 1 ano.

Segundo o site TV Pop, Adriana Araújo levou a melhor e fez Edir Macedo ser condenado em nos tribunais após o juiz responsável pelo ocaso, Adenilson Brito, reconhecer uma farsa trabalhista da Record.

Segundo o magistrado, Adriana e a emissora cometeram uma fraude trabalhista quando a ex-âncora do JR aceitou um contrato em regime de PJ, ao invés de continuar como CLT.

Dessa forma, ela terá de pegar à Receita Federal o que foi determinado pelo juiz, enquanto a Record a indenizará benefícios trabalhistas ao decorrer dos anos trabalhados.

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários