Celebridades Ludmilla

Após ser acusada de fazer apologia a droga, Ludmilla estampa malote de maconha vendida a R$ 35,00 pelo tráfico

Ludmilla
Ludmilla causou polêmica com a música Verdinha (Foto: Divulgação)

A cantora Ludmilla foi envolvida em uma polêmica daquelas no Rio de Janeiro, após ser acusada de fazer apologia com a música Verdinha, que vem fazendo bastante sucesso nas rádios brasileiras

Segundo informações da jornalista Fábia de Oliveira, do jornal O Dia, um malote de maconha está sendo vendido na Cidade de Deus, no Rio de Janeiro, ao valor de R$35 e na embalagem vem estampando o rosto de Ludmilla. A foto foi extraída justamente do clipe Verdinha.

Ainda na embalagem a maconha é descrita como “A Braba.” Vale lembrar que após a grande repercussão e polêmica sobre sua música. Ludmilla chegou a ter alguns contratos cancelados, como uma famosa marca de calçados que desistiu de ter a cantora como garota propaganda.

No entanto a famosa marca de cosmético Avon, não ligou para as polêmicas da cantora e decidiu lançar Ludmilla como garota propaganda. Ludmilla já está anunciando uma promoção onde clientes e revendedoras concorrem a maletas repletas de produtos de beleza, além de ingressos exclusivos para seu show e até um carro zero km.

Algumas revendedoras se sentiram ofendidas em ter Ludmilla como garota propaganda de uma marca tão tradicional:“Existem mulheres muito mais bonitas e dignas de estampar a marca Avon. Talvez ela represente algumas mulheres. Mas a mim, minhas irmãs, minha filha, minha sobrinha e mãe, jamais. A música dela é um lixo. E me admira muito uma marca como a Avon no meio de toda essa repercussão negativa da última música lançada por essa “cantora” aclamar ela como se representasse de verdade a mulher brasileira. Os valores se invertem cada vez mais. Vamos ver se a Avon compartilha da mesma opinião quando as vendas começarem a despencar”, escreveu uma seguidora.

A marca por sua vez, fez questão de comentar nas redes sociais e reafirmar que Ludmilla continuará fazendo propaganda para os produtos de beleza: “Sinto muito que não tenha se sentido representada. Acredito que minha amiga Ludmilla representa a parcela de mulheres que lutam de forma honesta e digna para serem livres, e a beleza que é a sua cara mora aí.

Recentemente Ludmilla também foi acusada pelo cabo Junio Amaral, do PSL-MG, por apologia as drogas. A cantora por sua vez diz que a música é sobre alface e que inclusive seus fãs menores tem comido mais verdura depois de sua música.

A assessoria da cantora Ludmilla se pronunciou em nota: ” A cantora Ludmilla, através de sua assessoria jurídica, representada pelo advogado José Estevam Macedo Lima, vem a público externar veemente repúdio a veiculação da imagem da cantora ao uso e comercialização de entorpecentes.  Com efeito, a cantora tem sido alvo de uso indevido de sua imagem que constitui flagrante violação aos seus direitos da personalidade, que lhe são assegurados pelo Código Civil Brasileiro.Por fim, a cantora esclarece que não poupará esforços para adotar todas as medidas cíveis e criminais que se fizerem necessárias, de modo a repelir e responsabilizar os autores das veiculações do conteúdo a seu respeito.”

Malote de maconha é vendido no Rio de Janeiroa com o rosto da cantora Imagem: O Dia)
Malote de maconha é vendido no Rio de Janeiroa com o rosto da cantora Imagem: O Dia)

 

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Mozuka Braga

Formado em Publicidade, Rádio e TV e Teatro é um apaixonado pelo mundo do entretenimento, principalmente séries e novelas. Em 2016 também concluiu sua pós em Produção Executiva e Gestão de TV pela FMU.