Roberto Kovalick

Roberto Kovalick

Com menos tempo no ar, Roberto Kovalick expõe que foi cobaia em estudo para migrar às madrugadas: “Fui usado”

Roberto Kovalick
Roberto Kovalick no comando do Hora Um (Foto: Reprodução/Globo)

O âncora da Globo revelou que foi cobaia de um estudo científico para se adaptar ao Hora Um

Apesar do sucesso recente no comando do Hora Um, a adaptação de Roberto Kovalick no primeiro noticiário diário da Globo não foi nada fácil.

Em entrevista para a revista GQ, o âncora admitiu pela primeira vez que foi cobaia de um experimento médico para conseguir mudar a rotina do dia para a noite.

Observado por um médico de Minas Gerais, Kovalick aplicou várias técnicas para se adaptar ao horário do telejornal, que vai ao ar às 4 horas da manhã.

Ele botou um relógio no meu pulso que media a qualidade do sono, disposição à luz, etc. Seriam três etapas para eu me adaptar ao novo horário. Foi um negócio meio maluco, fui usado como um teste“, contou o jornalista, que prosseguiu.

A primeira etapa seria a mudança de hábito. Se não funcionasse, partiríamos para uma tecnologia que ele mesmo estava desenvolvendo com atletas que iriam para Tóquio, para se adaptarem ao fuso horário. Foi um negócio meio maluco. Era uma luva, que você bota na mão esquerda, e ela baixa a temperatura do seu sangue. E isso ajuda você a dormir. E se eu não me adaptasse, teria que fazer todo um tratamento“, detalhou Kovalick.

Veja também

Apesar do possível tratamento absurdo, só a mudança de hábitos foi o suficiente para ele se adaptar a vida noturna no novo telejornal da Globo.

“Eu parei na primeira etapa! Só a mudança de hábitos resolveu pra mim. Eu não precisei passar para as outras duas etapas, não precisei nem usar essa luva, que dá uma geladinha no sangue. Ele que me orientou a almoçar às 8h da manhã, usar óculos-escuros e jantar ao meio-dia“, contou.

“De manhã, mesmo que esteja com um pouco de sono, eu não posso dormir. Eu me exponho à luz e faço exercícios físicos”, expôs o editor-chefe do Hora Um que costuma dormir ás 15h e levantar às 23h.

JORNAL CORTADO PELA METADE

Roberto Kovalick
Roberto Kovalick terá parte do Hora Um tirado do ar (Foto: Divulgação/Globo)

Mesmo com o novo estúdio e a liderança da audiência no horário que vai ao ar, Roberto Kovalick teve mais da metade do seu telejornal arrancado da programação da Globo.

O motivo? A reformulação da grade por conta dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que assim como o jornalista, irão ao ar na madrugada.

Segundo Gabriel Vaquer, do site Notícias da TV, além do noticiário comandado por Kovalick, o Jornal da Globo, apresentado por Renata Lo Prete, também terá boa parte do telejornal tirado do ar.

Com o reajuste de horário, o JG e o Hora Um terão apenas 35 a 40 minutos de duração. Uma grande perda principalmente para Roberto Kovalick, que costuma ficar no ar durante duas horas seguidas.

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários