Novelas Pega Pega

Autora revela que “Pega Pega”, próxima novela das 7, terá tom de “Sessão da Tarde”

Mateus Solano e Camila Queiroz em gravação de "Pega Pega". (Foto: Paulo Belmonte/Rede Globo)
Mateus Solano e Camila Queiroz em gravação de “Pega Pega”. (Foto: Paulo Belmonte/Rede Globo)

A Globo se prepara para estrear sua nova novela das 7, “Pega Pega”, nesta terça-feira (06), no lugar de “Rock Story”, e a comédia será o destaque da história, que é ambientada entre um hotel de luxo na orla de Copacabana e uma vila na Tijuca, no Rio. Ela gira em torno de um roubo milionário, que envolve os protagonistas.

Escrito por Claudia Souto, o folhetim vai abordar escolhas éticas do cotidiano, e a novelista explica: “A comédia vem em primeiro lugar. Os personagens transitam por todas as emoções e poderão ter cenas mais densas ou leves. Uns mais, outros menos. Uma pessoa que vive um drama na história poderá passar por situações ridículas e cômicas”.

“Assim é a vida. Brinco que a novela é uma comédia ‘Sessão da tarde'”, completa Claudia, que está estreando como titular, após trabalhar como colaboradora de Walcyr Carrasco no horário das 19h. “A maior parte do meu trabalho como autora, tanto na linha de shows, quanto na dramaturgia, foi no humor”, explica ela ao jornal Extra.

“Fiz também “Trapalhões”, “Sai de baixo”, e “Casseta & Planeta”. Não tinha como sair do gênero”, fiz ela, que contará com Luiz Henrique Rios na direção. “A gente discute muito a ética na política. Mas quero falar da ética do povo. Por isso procurei um lugar que fosse comum a várias classes sociais, desde o trabalhador mais humilde ao rico”, diz.

Claudia Souto (Foto: Divulgação)

“Encontrei no contexto do hotel esta reunião de pessoas, um lugar em que todos os personagens são protagonistas em seus espaços. Na área de serviço temos o cozinheiro, o garçom, o concierge, o maître. E na área social temos o dono do hotel, a neta dele…”, afirma. E segundo o diretor, a novela não será um folhetim clássico.

“O maior desafio foi construir uma história com várias texturas diferentes. Essa não é uma novela realista sobre o cotidiano, temos traços bastante ficcionais. Mas a nossa base foi a realidade”, diz Rios, cuja última novela que dirigiu foi “Totalmente Demais”, em 2015.

Saiba tudo o que vai acontecer sobre a nova novelas das 9 da Globo, Amor de e.

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Lucas Medeiros

Twitter: @luccasmeddeiros
Contato: lucasmedeirospaiva@gmail.com