TV Foco

BBB19: Ao lado de Gabriela e Vivian Amorim, Rízia surge com novo visual e choca com mudança radical

Rízia e Ana Maria Braga na Globo (Foto: Reprodução)
Rízia e Ana Maria Braga na Globo (Foto: Reprodução)

Com a final do reality show da globo Big Brother Brasil 19 se aproximando, a ex-participante do programa Rízia chocou em suas redes sociais ao aparecer com um novo visual e irá aparecer totalmente diferente na sua aparição na grande final do programa. A alagoana resolveu adotar tranças enraizadas nas cores preto e branco.

Por meio do Twitter, a ex confinada postou a imagem, anteriormente postada por Gabriela, que também foi participante do reality e companheira de confinamento de Rízia. Na imagem, as duas pousaram ao lado de Vivian Amorim, que também é ex-BBB, mas de outra edição, Vivian agora se concentra na sua carreira e está como apresentadora da “REDE BBB”.

+Verão 90: Jerônimo faz aliança com Vanessa e destrói casamento de Quinzinho e Dandara

+Verão 90: Janaína se entrega à Raimundo e os dois se beijam

Na legenda do click a participante disse: “Opsss, três maravilhosas”. A tão esperada final acontece na noite de hoje (12), e define o grande vencedor do programa. Na acirrada disputa se encontram a sister Paula e o brother Alan, disputando o cobiçado prêmio de um milhão e meio de reais!

Rízia durante conversa no BBB19 (Foto: Reprodução/Globo)
Rízia durante conversa no BBB19
(Foto: Reprodução/Globo)

A participante também deixou tudo gravado em seu instagram, por meio de stories. “Tô aqui no salão gente bonita e essa gata aqui vai aprontar uma coisa junta comigo”, disse, animada.

A alagoana também chamou atenção do público pois acabou se colocando no paredão, o que levou-a a eliminação do programa, na situação, a participante teve a chance de desempatar a votação, mas decidiu votar em Carolina, mantendo o empate. No desempate, a Líder, Paula, resolveu salvar Hariany da berlinda. Ao perceber a situação, a participante caiu em lágrimas e clamou ao público para deixa-a, porém, a sister foi eliminada com 61,66% dos votos do público no penúltimo paredão do BBB.

+David Brazil manda indireta, Gominho rebate e reacende briga na web

MAIS SOBRE BBB19

Mesmo sendo campeã do BBB 19, a participante Paula não escapará do compromisso com a Justiça aqui fora do reality. Após sair do programa, cuja final será na noite desta sexta-feira (12), ela será intimada a depor na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi).

O delegado Gilbert Stivanello já está ansioso pela sua espera e disse ao jornal Extra que ela está sendo investigada por injúria e preconceito, por causa da intolerância religiosa dentro do jogo, durante uma conversa com Diego e Hariany sobre o participante Rodrigo e a sua religião.

Ela disse que tinha medo dele por ter contato com “esse negócio de Oxum” e declarou que “nosso Deus é maior”. Para a publicação, o delegado já adiantou o futuro da loira: “Tão logo sair da casa, ela será intimada a depor. A data para o depoimento deverá ser na próxima semana”.

Sobre o assunto, Rodrigo, vítima de Paula, declarou: “Vi alguns vídeos que me chocaram e entristeceram. Mas provaram que eu estava no caminho certo. Por mais que eu tenha sido eliminado, há comportamentos que eu não gostaria de reproduzir na minha forma de jogar”.

“Fico feliz por não ter seguido essa linha”, completou o ex-participante da Globo. “Trata-se de injúria por preconceito alusivo à religião “, disse o mesmo delegado em entrevista ao UOL, afirmando que a pena para o crime de injúria por preconceito varia de um a três anos de reclusão e multa.

“Há outros institutos processuais alternativos aplicáveis que podem evitar a imposição de pena de prisão (reclusão). Nessa parte, a resposta ficará com o Judiciário”, explica ele. Foi acrescentado ao processo o depoimento de Rodrigo, participante negro que se sentiu humilhado com as declarações.

Assim que sair do programa da Globo, Paula terá que apresentar sua versão dos fatos analisados pela Justiça. “Se for concluído que ela tinha o intuito ou sabia da possibilidade de ofender com sua fala, poderá ser indiciada e o inquérito será relatado e enviado à Justiça Comum”, disse Gilbert.

“Não cabe Juizado Especial, pois a alusão à religião agrava o delito”, completou ele, afirmando que Paula sairá do confinamento hoje e estará em breve na delegacia, onde será ouvida.

Sua irmã e advogada, Mônica Von Sperling, disse que já está analisando a situação. “É um direito dele, se por algum motivo se sentiu ofendido. Fico chateada apenas por conhecer a Paulinha e saber que ela jamais agiu ou agiria com o intuito de ofender alguém”, afirmou a irmã da confinada da Globo.

 

SIGA O TVFOCO NO INSTAGRAM E FIQUE POR DENTRO DE TUDO! CLIQUE/TOQUE AQUI.
;