Jair Bolsonaro

Bolsonaro ameaça espancar repórter da Globo, escracha ‘perseguição’ e escândalo bilionário

Bolsonaro ameaçou bater em repórter de O Globo (Reprodução)
Bolsonaro ameaçou bater em repórter de O Globo (Reprodução)

Após a repercussão da ameaça feita a um repórter de O Globo, Jair Bolsonaro se manifestou e disse que é perseguido pela emissora carioca

O presidente Jair Bolsonaro voltou a perder a compostura após ameaçar com agressão física um repórter do jornal O Globo, após o profissional de comunicação fazer uma pergunta ao político sobre os vários depósitos que o ex-policial militar Fabrício Queiroz fez na conta de sua esposa, a primeira-dama Michelle Bolsonaro. O episódio aconteceu nesse domingo, 23.

Durante conversa com jornalistas em Brasília, um repórter de O Globo questionou a Jair Bolsonaro sobre os depósitos de Queiroz na conta de Michelle Bolsonaro. “Presidente, por que a sua esposa recebeu R$ 89 mil do Fabrício Queiroz?”, indagou o jornalista.

+Após assassinato brutal, namorada do ator Rafael Miguel se recusa a fazer reconstituição do crime: ‘Traumático’ 

+William Bonner vive maldição na Globo, é proibido de ir à rua e fotos com esposa dizem quem ele é: ‘Destruído’ 

Como resposta, Bolsonaro fez ameaça física ao jornalista, afirmando que sua “vontade é encher tua boca com uma porrada, tá?” e, em seguida, chamou o profissional de “seu safado”. A resposta grosseira do político viralizou nas redes sociais e gerou críticas ao presidente tanto por parte de famosos quanto por anônimos.

Fabrício Queiroz é amigo de longa data de Jair e ex-assessor de Flávio Bolsonaro, na época em que o atual senador era deputado estadual do Rio de Janeiro. Segundo o Ministério Público fluminense, Flávio foi, por anos, o líder de uma organização criminosa, e Queiroz era justamente seu braço direito. O ex-policial militar e sua esposa, Márcia, tiveram prisão decretada pela Justiça há algumas semanas, e atualmente cumprem prisão domiciliar.

Após as autoridades quebrarem o sigilo bancário de Queiroz, foi descoberto que o ex-assessor fez depósitos suspeitos na conta de Michelle Bolsonaro. Ao ser questionado ainda em 2018, após as eleições, o presidente disse que o montante se referia a um empréstimo de R$ 40 mil feito por ele ao amigo.

Porém, reportagens de veículos como Globo, Folha e Estadão, com base em documentos das investigações feitas pelas autoridades, mostraram que, na realidade, o valor dos depósitos na conta da primeira-dama somam R$ 89 mil, mais que o dobro do dinheiro emprestado por Jair ao amigo, conforme o mesmo relatou. O tema é considerado delicado para o presidente e, não raro, ela fica irritadiço ao ser questionado sobre o escândalo que acerta em cheio sua família.

BOLSONARO DIZ SER PERSEGUIDO PELA GLOBO

Na manhã desta segunda-feira, 24, Jair Bolsonaro se manifestou pela primeira vez publicamente desde a polêmica por sua ameaça ao repórter e, sem citar seu destempero, o político alegou que é “perseguido” pela emissora carioca há cerca de 10 anos. Ainda, ele citou reportagem da Record sobre suposto envolvimento de herdeiros do grupo Globo com doleiros condenados.

“Há pelo menos 10 anos o sistema Globo me persegue e nada conseguiram provar contra mim. Agora aguardo explicações da família Marinho sobre a delação do ‘doleiro dos doleiros’, onde valores superiores a R$ 1 bilhão teriam sido repassados a ele”, escreveu o presidente em seu perfil no Twitter.

Reportagem do Domingo Espetacular repercutiu a delação feita por Dario Messer, condenado a mais de 13 anos de prisão. Em depoimento, ele disse ter repassado quantias gigantescas em dólares a herdeiros do grupo que administra a emissora carioca.

Segundo a Record, José Aleixo, um dos executivos mais poderosos da Globo, teria recebido encomendas mensais de dólares a pedido de Messer, com valores que variavam entre US$ 50 mil (R$ 280 mil) e US$ 300 mil (R$1,6 milhão). Conforme o Domingo Espetacular, os montantes eram repassados a Roberto Irineu e João Roberto Marinho, herdeiros do grupo Globo.

+URGENTE: Flordelis é denunciada pelo assassinato do pastor Anderson e prisões são decretadas 

O QUE DIZ A EMISSORA

Após a revista Veja revelar a delação de Messer que envolve os donos da Globo, a emissora se manifestou publicamente negando a informação. O canal disse que Roberto Irineu e João Roberto Marinho “não têm e nunca tiveram contas não declaradas às autoridades brasileiras no exterior” e que também “nunca realizaram operações não declaradas às autoridades brasileiras”.

O presidente Jair Bolsonaro descobriu podre sobre a esposa, Michelle - Foto: Reprodução
O presidente Jair Bolsonaro descobriu podre sobre a esposa, Michelle – Foto: Reprodução

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Redação TV Foco