William Bonner

Renata VasconcellosWilliam Bonner

William Bonner se levanta da bancada do JN e Renata Vasconcellos confirma morte de famoso na Globo: “Aos 36 anos”

Renata Vasconcellos na bancada do Jornal Nacional, da Globo (Foto: Divulgação)
Renata Vasconcellos na bancada do Jornal Nacional, da Globo (Foto: Divulgação)

O âncora estava caminhando pelo estúdio enquanto Renata confirmou uma triste notícia na Globo

Durante a última edição do Jornal Nacional que foi ao ar na quarta-feira, 09, na Globo, William Bonner e Renata Vasconcellos protagonizaram um momento fora do protocolo do noticiário, enquanto o veterano estava longe da bancada, a âncora confirmou a morte de um famoso piloto.

Renata Vasconcellos repercutiu a morte de Daniel Santos, piloto de motocross que foi encontrado morto no Ceará, após a disputa de um rally. A notícia foi lida em uma nota curta de 20 segundos. Antes disso, Bonner havia se levantado para ir ao telão receber as informações da previsão de tempo.

O âncora do JN ainda estava andando pelo estúdio, para voltar ao seu lugar, quando Renata Vasconcellos deu a notícia a pior notícia sobre Daniel Santos e os detalhes do laudo da perícia. O famoso havia sido encontrado sem vida próximo da moto que pilotava no Rally Cerapió.

Renata Vasconcellos e William Bonner- Foto: Montagem-TV Foco
Renata Vasconcellos e William Bonner- Foto: Montagem-TV Foco

A perícia forense do Ceará concluiu que foi um enfarte agudo que matou o piloto Daniel Santos, aos 36 anos, durante a disputa do Rally Cerapió“, iniciou Renata, enquanto imagens do piloto foram exibidas na Globo.

“Daniel morava no Espírito Santo, era casado e tinha três filhas”, concluiu a âncora, enquanto Bonner se acomodava de volta em sua cadeira para dar sequência no JN.

Veja também

RENATA VASCONCELLOS ANUNCIOU DEMISSÃO DE FAMOSO DURANTE O JN

Renata Vasconcellos
Renata Vasconcellos deu notícia em tom de crítica (Foto: Reprodução / TV Globo)

Ainda nesta semana, Renata Vasconcellos também chamou a atenção ao repercutir a demissão de um famoso Youtuber, que se envolveu em uma polêmica por falas antissemitas durante um podcast.

O apresentador do canal Flow Podcast, Bruno Aiub, conhecido como Monark, defendeu o direito de ser nazista. Ele ainda reafirmou dizendo que deveria existir um partido político com essa ideologia na ocasião.

Renata Vasconcellos, durante a exibição ao vivo, deu a notícia em tom de crítica: “Provocou perplexidade e revolta. Ele disse que deveria de existir um partido nazista no Brasil. E defendeu, nas palavras dele, o direito de ser antijudeu”.

VÍDEO YOUTUBE: Urgente! Fim do programa do Faustão é confirmado na Band

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários