Especiais TV Foco

Briga entre artistas ao vivo termina com convidado deixando programa e demissão de integrante

Amanda Ramalho e Biel, Rodrigo Bocardi e Glória Vanique, Jorge Kajuru e o pugilista Marinho Soares, Ronaldo Ésper e Brito Jr. João Gordo e Dado Dolabella. (Foto: Reprodução/Internet)

Briga, ofensa, discussão acalorada, troca de farpas e até empurrões. Nem tudo na TV e na rádio saem conforme o roteiro. Em alguns momentos, desentendimentos fogem do controle e podem quase chegar as vias de fato. Ainda mais quando se trata do “ao vivo”. O especial TV Foco destaca alguns casos em que os ânimos ficaram exaltados em frente as câmeras.

+O Sétimo Guardião: Gabriel toma decisão e irá investigar o assassinato em Serro Azul

O caso mais recente ocorreu no programa de rádio Pânico, que também é transmitido ao vivo pelo site da emissora Jovem Pan FM. A integrante da trupe, Amanda Ramalho discutiu feio com o cantor Biel, após relembrarem algumas polêmicas em que o funkeiro se envolveu. “Quando mudei para os Estados Unidos você falou que eu deveria ter morrido. Quer que eu te mostre o vídeo?” disse o cantor. “Poxa, que legal, esse foi o auge da minha carreira. Obrigado, Amanda. Pelo menos me posicionei certo na época”, rebateu a apresentadora, fazendo uma autorreferência. O apresentador Emílio Surita tentou controlar a situação, mas Biel acabou abandonando o programa ao vivo e Amanda ainda discutiu com outra integrante e também deixou programa chorando.

+A Fazenda: João Zoli se sente culpado pela saída de Léo Stronda e compara tristeza a eliminação de Gabi Prado

Após quase um mês do imbróglio que se tornou o caso, Amanda Ramalho oficializou o pedido de demissão semana passada (21), conforme  informações do colunista Daniel Castro, do Notícias da TV. Relembre o vídeo da confusão:

Em 2004, o atual senador eleito pelo estado de Goiás, Jorge Kajuru quase foi às vias de fato com o pugilista Marinho Soares no extinto programa da Band “Esporte Total”. Tudo começou quando Kajuru chamou Marinho de “covarde” após comentarem um combate ocorrido um dia antes, em que o lutador nocauteou seu adversário Fábio Garrido e ainda lhe deu mais dois socos já com Fábio caído no ringue. “Você não precisava dar os dois últimos socos nele. Ele já estava caído” disse Kajuru. “Isso é burrice” respondeu Marinho, que partiu para cima de Kajuru e foram separados por outros jornalistas da redação após uma longa e acalorada discussão cara-a-cara. Veja o vídeo:

Outro desentendimento “ao vivo” aconteceu na Record TV, no extinto “Programa da Tarde”, na época, ao lado de Ticiane Pinheiro, Brito Junior iniciou um quadro perguntando ao estilista Ronaldo Ésper: “O Clodovil dizia… que você tinha esse costume de roubar obras de arte na casa dos outros. Por que ele dizia isso?”. Ésper ficou extremamente irritado com a pergunta e deixou o palco fazendo muitas críticas a produção do programa: “Eu estou extremamente chocado”, disse o estilista. Britto Jr. e Ronaldo Ésper acabaram encontrando-se em outros quadros de programas da própria Record, anos mais tarde, como o “Hoje em dia” e a briga ficou esquecida entre os dois. Relembre:

Uma briga clássica foi entre João Gordo e Dado Dolabella. Durante a gravação de uma entrevista no extinto talk show da MTV “Gordo a-Go-Go”,  Dado abriu uma maleta e começou a retirar vários objetos como uma corrente, um pedaço de pau e até um machado. João Gordo ironizou e questionou Dado que o acusou de “trair o movimento (punk hardcore)”, já João fez uma brincadeira de duplo sentido com o CD do cantor: “Dado pra Você”. Dado quebrou o vidro da mesa com o machado e a briga ficou feia. Produção e os seguranças da emissora tiveram que intervir.

+O Sétimo Guardião: Segredo de Gabriel é descoberto e irmandade secreta enfrenta um impasse

Essa briga, no caso, não chegou a ir ao ar em 2003, porém veio viralizar através da internet anos mais tarde. Em entrevista ao jornal Estadão, João Gordo disse que tempo depois, uma marca de remédios convidou os dois para gravarem um comercial: “Uma vez chamaram eu e ele para fazer uma propaganda de um calmante. Uma ideia sensacional, cara. Só que eu pedi 1 milhão. Falei, ‘ah, não vou ficar contracenando com esse panaca a troco de m***’. Mas aí não rolou”. relembre a confusão:

Para finalizar um desentendimento “mais leve”, mas que não deixou de repercutir nas redes. Foi entre os dois jornalistas e apresentadores do matinal “Bom Dia SP” da Globo: Rodrigo Bocardi e Glória Vanique. Na ocasião, o programa estava quase nos segundos finais, quando faltavam algumas notícias, e Bocardi resolveu ler comentários dos internautas nas redes sociais. Sua fala interrompeu o momento da colega, que não escondeu a chateação e disse que ele poderia dar continuidade ao jornal, de forma aparentemente irritada.

+Descubra qual o detalhe em comum que une Silvio Santos, Pabllo Vittar e outros famosos

Pouco tempo depois, Glória postou um vídeo ao qual os dois esclarecem o mal-entendido e dizem que está tudo bem: “Não é possível. Fofocaiada, fake news, vocês não vão entrar nessa, né? A gente madruga e segundona tem mais. Casamento acaba, isso aqui [parceria profissional], acho que não. Faz o seguinte: é fim de semana, dorme até acordar e enche o seu coração de amor”. disse o apresentador. Relembre o “climão”:

 

SIGA O TVFOCO NO INSTAGRAM E FIQUE POR DENTRO DE TUDO! CLIQUE/TOQUE AQUI.

ANÚNCIOS

ANÚNCIOS

Comentários recentes

CONHEÇA