César Tralli

César Tralli

César Tralli entra na Globo às pressas, dá notícia de partir o coração ao vivo e confirma: “Mortos”

"Está difícil respirar", Tralli afunda no JH e passa sufoco contra Severiano na Globo: Audiências 28/04
César Tralli no Jornal Hoje (Foto: Reprodução/Globo)

Na bancada do Jornal Hoje, César Tralli deu uma notícia devastadora ao público

César Tralli, apresentador do Jornal Hoje, deixou o Brasil em choque ao escancarar uma notícia cruel nesta quinta-feira (12). O âncora entrou às pressas no jornalístico de meio-dia e expôs às principais notícias ao público.

Logo de cara, o companheiro de Ticiane Pinheiro falou sobre o aumento na inflação dos alimentos. “Olá, boa Tarde! Não perca logo mais no JH. A inflação dos alimentos provoca uma grande mudança nos hábitos de consumo do brasileiro.”, disse o apresentador.

Em seguida, Tralli citou os outros destaques do telejornal. “Setor de serviços cresce 1,7% em março e fecha o primeiro trimestre no azul. O que muda às embalagens dos remédios com a lei publicada hoje que cria a bula digital. Uma força tarefa vai às ruas de Goiânia pra enfrentar o avanço da dengue”, frisou César Tralli.

ANÚNCIO DE MORTES

No fim, o apresentador ainda falou das mortes nos Estados Unidos ocasionadas pela Covid-19, enfermidade que arrancou milhões de vidas pelo mundo. “Os Estados Unidos ultrapassam 1 milhão de mortos por Covid”, comentou o comandante do JH.

Veja também

Na reportagem, foi frisado que a luta contra a pandemia também segue no mundo e mais de 6 milhões de pessoas já perderam a vida por conta da doença, segundo o levantamento da Universidade Johns Hopkins. Porém, de acordo com a Organização Mundial de Saúde, é possível que o número real de óbitos por Covid esteja próximo dos 15 milhões.

César Tralli no Jornal Hoje (Foto: Reprodução)
César Tralli (Foto: Reprodução)

VÍDEO YOUTUBE: GUERRA! Sonia Abrão rebate Catia Fonseca + Datena condenado + Fátima explode na Globo

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários