Celebridades

Chaves: cada personagem representava um pecado capital

Chaves: cada personagem representava um pecado capital
Chaves: cada personagem representava um pecado capital

O seriado mexicano, Chaves é famoso pelas histórias amedrontadoras que tem por trás dos bastidores e há algum tempo, outra bizarrice surgiu.

Chaves é um dos maiores seriados do mundo. Com um alcance global, Roberto Gómez Bolaños, criador da história e diretor da série, conseguiu fazer um trabalho excepcional e conquistou milhões de pessoas ao redor do mundo. Porém, muitos contos de terror por trás dos bastidores começaram a aparecer. Inclusive, recentemente, o site Fatos Desconhecidos divulgou mais uma estória macabra sobre a trama e os seus personagens.

De acordo com o site, há uma lenda que diz que cada personagem de Chaves representa um pecado capital. E como nós já anunciamos aqui que eles vivem em uma grande repetição, ficam presos em um limbo e fazem sempre a mesma coisa.

O personagem principal, Chaves, seria a representação viva do pecado ‘gula’. Ele sempre está com muita fome, adora sanduíches de presunto e mesmo com a barriga cheia, coma mais e mais. Além disso, ele sempre chama o Professor Girafales de ‘linguiça’, um produto alimentício feito a base de carne de porco, que de acordo com os costumes bíblicos, é algo sujo.

Senhor Barriga é a figura de Chaves que revela a ganância, pois todas as vezes ele cobra os 14 meses de aluguel para aquele inquilino famoso, que todos nós conhecemos: o Seu Madruga. Inclusive, esse representa a preguiça, pois nunca quer arrumar um emprego e quando está em um, sempre dá desculpas e motivos para largá-lo.

Elenco original de Chaves. Foto: Reprodução
Elenco original de Chaves.
Foto: Reprodução

Quico é o personagem que está totalmente ligado à inveja. Sempre que o pode coitado do Chaves está brincando com alguma item feito por ele, o filho da Dona Florinda sempre volta com um brinquedo igual, só que melhor, o que sempre acaba com a brincadeira do coleguinha.

Dona Florinda e Professor Girafales representam juntos, em Chaves, um dos maiores pecados de todos: a luxúria. Eles sempre demonstram publicamente desejos incontroláveis, mesmo nunca passando da famosa xícara de café e buquê de flores. Outra coisa interessante que o site revela, é que os dois estão fadados a abstinência sexual eterna. Inclusive, o hábito que o professor das crianças tem de fumar um charuto, é igual àquele ato das pessoas fumarem depois do sexo.

Chiquinha, uma das personagens mais emblemáticas de Chaves, está ligada à ira. Pode reparar que ela sempre reage de forma irracional, mesmo às vezes tentando ter um pouco de paciência. Como recursos para sair de todos os tipos de situações, ela chora ou faz alguma maldade.

Jaiminho, o carteiro, é o único personagem que se diferencia de todos os outros do elenco principal. Ele representa o mundo dos vivos. Na realidade, na história de Chaves, ele é um médium e as cartas que ele leva para o moradores do cortiço são, na realidade, psicografias. O motivo dele estar sempre cansado é que andar pelos dois planos é um esforço muito grande e a sua memorável Tangamandápio é uma especie de representação da própria Terra.

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Arthur Farias