Chico Pinheiro

Chico Pinheiro

Chico Pinheiro, após demissão da Globo, expõe falência total e faz apelo critico implorando ajuda: “Pobre”

Ana Paula Araújo desaparece do BDBR e Chico Pinheiro dá notícia de demissão na Globo: "Entregou o cargo"
Chico Pinheiro, ex-âncora do Bom Dia Brasil, da Globo (Foto: Reprodução)

O jornalista surgiu nas redes sociais para abraçar uma campanha contra a pobreza e a miséria

Prestes a completar um mês fora da Globo, Chico Pinheiro fez uma rara aparição nas redes sociais para fazer um apelo contra a fome e pessoas em situação de extrema pobreza. Ao lado do famoso padre Júlio Lancelloti, o jornalista aderiu a campanha de doações.

O veterano sempre se mostrou engajado com as causas sociais enquanto estava na TV, agora, Chico Pinheiro utiliza o Instagram e o Twitter para evitar mais pessoas cheguem a falência total.

Na última terça-feira, 25, o ex-âncora da Globo endossou a campanha contra a aporofobia, que é o termo usado pelo padre Júlio para descrever a rejeição contra pessoas pobres e em situação de rua.

Nós estamos pedindo o seu apoio para entrar na luta contra a aporofobia. A aporofobia que é o ódio ao pobre, o rechaço ao pobre, o afastamento do pobre“, diz o padre no vídeo ao lado de Chico Pinheiro.

Na sequência, o religioso explica que está lançando uma campanha e pede pelo apoio de outros artistas para combater a pobreza extrema.

Veja também

“Há muita literatura nesse sentido, nós estamos criando um laboratório, um observatório sobre a aporofobia, mas precisamos que o grupo artístico crie uma campanha: hashtag contra a aporofobia”, ressaltou o padre Júlio Lancellotti.

O sacerdote lembra ainda que já há alguns projetos de leis que buscam equiparar a aporofobia ao racismo e à homofobia, ou seja, criminalizar ações criminosas como uma agressão praticada em razão da vítima ser pobre. “Nós precisamos nos encontrar para discutir isso com o Chico”, diz o padre Júlio. “É isso aí”, concorda o jornalista.

Chico Pinheiro surgiu em um vídeo ao lado do padre Júlio Lancellotti para lançar uma campanha social
Chico Pinheiro surgiu em um vídeo ao lado do padre Júlio Lancelloti para lançar uma campanha social- Foto: Reprodução/Instagram

Depois do vídeo ao lado de Julio Lancelotti, Chico Pinheiro também posou em uma foto ao lado do rapper Emicida, outro artista que também é um ativista das causas sociais.

Chico Pinheiro posou com Emicida e o padre Júlio Lancellotti
Chico Pinheiro posou com Emicida e o padre Júlio Lancellotti- Foto: Reprodução/ Instagram

CHICO PINHEIRO DEIXOU A GLOBO APÓS 32 ANOS

Após comandar a transmissão do carnaval de São Paulo, Chico Pinheiro teve sua demissão da Globo oficializada no dia 30 de abril, em um comunicado interno de Ali Kamel, chefe de jornalismo do canal.

Segundo a mensagem do executivo, a decisão da saída do jornalista foi tomada em comum acordo, após 32 anos de serviços prestados à Globo.

“Depois de 51 anos de jornalismo diário, 32 deles na Globo, em comum acordo com a emissora, Chico decidiu deixar o dia a dia da vida de repórter, como ele faz questão de se definir. Pretende se dar um sabático e, mais adiante, se dedicar a atividades num ritmo mais espaçado. E combinou comigo que esperaria o fim de mais uma brilhante transmissão do Carnaval, a que se dedica há vinte anos, para que esse anúncio fosse feito, numa sexta-feira”, disse Ali Kamel em seu comunicado.

VÍDEO YOUTUBE: Programa da Ivete Sangalo na Globo É DETONADO 

Quem escreve

Erick Martins

Recém formado em jornalismo, costumo escrever sobre programação de TV, esportes, bastidores e tudo que engloba o mundo dos famosos de maneira leve e direta.

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários