Celebridades

Daniela Mercury escreve letra polêmica sobre negros e é acusada por outra cantora

Daniela Mercury (Foto: Reprodução)
Daniela Mercury (Foto: Reprodução)

Daniela Mercury está sendo acusada de apropriação cultural na internet. Diante da letra polêmica da música Pantera Negra Deusa, a cantora Larissa Luz fez um protesto contra, durante o Festival Sangue Novo, em Porto Salvador, juntamente com Luedji Luna e Xênia França.

Antonia Fontenelle se revolta com a classe LGBTQ: “Viadinhos violentos, vão pra casa do caralh*”

Negras, elas soltaram o verbo contra a letra de Daniela, cuja canção foi lançada na semana da Consciência Negra, em novembro do ano passado, celebrando Wakanda, lugar fictício localizado na África subsariana, presente nos quadrinhos da Marvel e lar do super-herói Pantera Negra.

Larissa Luz (Foto: Divulgação)

“A pantera negra, a deusa / A mãe original do mundo / Mãe da única raça / A raça humana / Somos todos filhos da preta”, diz a letra da música polêmica, que foi contestada pelas três cantoras, em um vídeo que está dando o que falar nas redes sociais. “Preto de alma não existe, dispara Larissa.

Globo transforma Bolsonaro em palhaço e presidente vira piada entre os brasileiros

“O Brasil é um país que mata, que condena a cor da pele”, completa ela, referindo-se ao fato de uma cantora branca como Daniela Mercury não saber de fato o que é ser negro, não podendo se considerar “negra de alma”. Nas redes sociais, Xênia França já havia se manifestado.

Aranha gigante é vista na mesa e Ana Maria Braga entra em pânico ao vivo

“Porque tu chamas se não me conhece?”, questionou ela, na época, sobre a letra de Daniela Mercury. O vídeo você confere a seguir:

TV Foco no Youtube

Amor de Mãe

ANÚNCIO

Conheça nosso Podcast

ANÚNCIO

site statistics