Datena

Datena

Datena explode em desabafo e aponta verdadeiros culpados pela morte de Marília Mendonça: “É triste”

Datena no comando do Brasil Urgente, da Band (Foto: Reprodução)
Datena no comando do Brasil Urgente, da Band (Foto: Reprodução)

Datena soltou o verbo e expôs sua indignação ao vivo na Band

No decorrer do Brasil Urgente desta segunda-feira, 08, o apresentador Datena fez questão de falar a respeito da tragédia que causou comoção em todo o Brasil e abalou o mundo da música: a morte da cantora Marília Mendonça, após a queda brutal do avião em que estava em Minas Gerais.

No telejornal, o apresentador trouxe à tona a cobertura que fez do acidente em seu programa da Band e ainda citou a repercussão gigantesca que o falecimento da artista de 26 anos teve no país. Em seu relato, o jornalista também apontou os responsáveis pela queda da aeronave.

“A cabine estava inteira, o avião estava praticamente intacto para uma aeronave que cai. É muito resistente, mas a informação foi que o avião bateu na torre de alta tensão pois não tinha sinalização. Sabe por que não tinha sinalização? A Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) informou que ali não precisava ter sinalização porque estava a um metro pra cá de onde teria que ter sinalização”, declarou Datena.

O apresentador do Brasil Urgente não parou por aí, e falou sobre outras fatalidades que aconteceram no Brasil e tiveram uma repercussão enorme. “O que que custa pra Cemig colocar aquelas bolas amarelas, vermelhas ou alaranjadas em cima do fio. É por isso que esse país aqui a tragédia nunca tem nome, é sempre ilimitada.”, disse.

“Em Mariana, o que que aconteceu com as pessoas que foram responsáveis lá? Nada! Aí depois aconteceu em Brumadinho, também não aconteceu nada (com os responsáveis). Isso que é triste demais”, comentou Datena, resgatando os rompimentos das barragens de Mariana, no ano de 2015, e Brumadinho, em 2019.

Veja também

Datena culpa responsáveis pelo acidente com Marília Mendonça - Foto: Reprodução
Datena culpa responsáveis pelo acidente com Marília Mendonça – Foto: Reprodução

AVIÃO PERTENCEU A DUPLA HENRIQUE E JULIANO

Também nesta segunda, 08, a assessoria de imprensa de Marília Mendonça informou que o avião da PEC Táxi Aéreo que a cantora estava pertenceu à dupla Henrique & Juliano e acabou sendo vendido para a empresa em julho do ano passado.

VÍDEO YOUTUBE: Faustão é cortado na Band e produção tem demissão em massa

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários