SAIBA TUDO!

Martelo batido: Decisão confirmada por Simone Tebet afeta beneficiários do INSS e Bolsa Família


Simone Tebet fez declarações importantes (Foto: Agência Brasil)

Ministra do Governo Lula fez alerta sobre cortes em 2023, mas medida segue em vigor

Desde o ano passado, Simone Tebet vem promovendo algumas mudanças que afetam diretamente uma longa lista de brasileiros. Os principais temas têm sido em torno das contas do INSS e do Bolsa Família.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Segundo a Ministra do Planejamento, houve um pente-fino no pagamento dos benefícios previdenciários e no auxílio social de Lula. Hoje, cerca de 20,8 milhões de pessoas são auxiliadas pelo programa de distribuição de renda.

De acordo com o jornal Metrópoles, em abril de 2023, Simone Tebet havia dito que cortes no Bolsa Família economizariam R$ 7 bilhões aos cofres públicos. Na época, foi estimado o fim do pagamento para mais de 5,5 milhões de cadastros unipessoais.

“Estamos revendo o CadÚnico, não para fazer uma economia, mas para ver quem está no cadastro e não tem direito. Especialmente homens solteiros que estão trabalhando e que muitas vezes vão para informalidade para poder ganhar os R$ 600”, disse.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


Bolsa Família
O Bolsa Família, criado em 2003, atende mais de 20,8 milhões de residências (Foto: Agência Brasil)

Em agosto, segundo a Folha de S. Paulo, Tebet falou também sobre o pente-fino nas aposentadorias e no Benefício de Prestação Continuada. “O INSS, em um determinado ano, não sei se foi em 2021 ou 2022, deu um salto significativo”, denunciou a ministra.

Veja também

Segundo a parceira de Lula, salários poderiam estar sendo pagos de forma indevida. Agora, o objetivo é seguir investigando possíveis fraudes no sistema. O alerta aos beneficiários é de que mantenham os dados atualizados para evitar qualquer problema.

Bolsa Família, INSS
Simone Tebet revelou cortes no INSS e Bolsa Família (Foto: Agência Brasil)

Quem tem direito ao Bolsa Família?

Criado em 2003, o projeto é o maior canal de distribuição de renda no país. A principal regra é de que a renda por cada pessoa da residência seja de, no máximo, R$ 235 por mês. Para fazer a solicitação, é necessário estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais.

🚨 Davi assume uso de dinheiro doado ao RS + Globo crava desfecho do campeão + Dona Déa é DETONADA         

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Lucas Brito é um jornalista que ama conversar sobre tudo, mas em especial sobre música, culturas, teorias e boas histórias. Seu maior objetivo é conseguir se tornar um grande comunicador e ter espaço para tratar de assuntos sociais que considera importantes, além de poder opinar sobre a ficção, como séries e novelas. Email: lucas.brito@otvfoco.com.br