Celebridades

Edir Macedo peita Silvio Santos, quebra a cara e é humilhado pela Globo após “roubo”

Silvio Santos e Edir Macedo são donos da Record e do SBT, respectivamente - Foto: Reprodução
Silvio Santos e Edir Macedo são donos da Record e do SBT, respectivamente – Foto: Reprodução

A guerra entre as emissoras Record e SBT voltou com tudo, com Edir Macedo e Silvio Santos brigando feio pelo Campeonato Carioca

Edir Macedo e Silvio Santos são concorrentes e já “brigaram” indiretamente com suas emissoras por novas contratações diversas vezes, mas essa disputa havia dado uma trégua desde o lançamento do Simba Content, uma joint-venture formada por Record, SBT e RedeTV! que praticamente ninguém mais lembra da existência na atualidade.

Mas isso voltou com tudo recentemente com a disponibilidade de vários campeonatos de futebol para as emissoras. Isso porque no ano passado o SBT transmitiu a final do Campeonato Carioca, gostou do resultado e adquiriu também a Copa Libertadores, maior competição de futebol do continente americano, mergulhando no mundo esportivo.

Briga de gigantes

Acontece que a Record decidiu fazer o mesmo esse ano e acabou adquirindo os direitos do Campeonato Carioca, o mesmo que o SBT havia transmitido a final no ano passado. Com uma estreia promissora que anotou 14 pontos na quarta-feira (02), neste sábado (07) a segunda partida transmitida decepcionou a emissora de Edir Macedo.

Record
A Record abriu os cofres para adquirir os direitos do Cariocão de 2021 (Foto: Divulgação)

A transmissão da partida entre Vasco e Volta Redonda registrou apenas 6 pontos com picos de sete, ficando na segunda colocação, mas sendo humilhado pela Globo, que fechou com 28 no mesmo horário. O SBT, que saiu derrotado na briga pelos direitos de transmissão, não ficou muito atrás da Record, com 4 pontos no mesmo horário.

Participe agora do grupo do TV FOCO no Telegram e receba tudo sobre BBB - Clique aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Fernando Lopes

Escreve sobre televisão desde 2013.