Celebridades Eduardo Costa

Eduardo Costa e o irmão, Weliton Costa, vão parar na delegacia após mensagem íntima com ameaça de morte vazar

weliton costa victória vilarrim Irmão de Eduardo Costa ameaça ex-noiva do cantor de morte. Foto: Reprodução
Irmão de Eduardo Costa ameaça ex-noiva do cantor de morte. Foto: Reprodução

Eduardo Costa e o irmão, Weliton Costa, foram depor sobre supostas ameaças feitas a Clayton, atual namorado de Victória Villarim, ex-noiva do sertanejo

O cantor sertanejo Eduardo Costa e seu irmão, Weliton Costa, foram intimados a depor à Polícia Civil de Belo Horizonte, em Minas Gerais, e compareceram à unidade policial na tarde dessa terça-feira, 14, para esclarecer os rumores de uma suposta ameaça que teria sido feito ao também cantor Clayton Lemos, da dupla Clayton e Romário, atual namorado de Victória Villarim, ex-noiva de Eduardo.

De acordo com informações do portal de notícias G1, o motivo do depoimento de Eduardo Costa e Weliton Costa é para averiguar uma suposta ameaça. Segundo o noticioso, no dia 23 de dezembro do ano passado foi registrado um boletim de ocorrência em que constam o envio de mensagens com ameaças que teria sido enviadas ao celular de Romário, irmão de Clayton Moreira Lemos. Conforme relatos, Eduardo não estaria aceitando o fato de seu ex-amigo estar namorando sua ex-namorada, Victória Villarim.

Eduardo Costa e Weliton Costa assinaram um termo circunstanciado de ocorrência (TCO) e o documento foi enviado à Justiça.

Eduardo Costa, Victória Villarim e Weliton Costa (Foto: Reprodução/Instagram/Montagem TV Foco)
Eduardo Costa, Victória Villarim e Weliton Costa (Foto: Reprodução/Instagram/Montagem TV Foco)

 

Ameaça de morte 

No último dia 7, o colunista do portal UOL, Leo Dias, revelou uma bomba repassada a ele por Victória Villarim, na qual a ex de Eduardo Costa acusa o irmão do famoso, Weliton Costa, de ameaçá-la de morte. A universitária, inclusive, divulgou o conteúdo das mensagens em tom de ameaça enviadas à ela por Weliton.

Conforme Victória Villarim, Weliton Costa enviou um áudio no qual ameaça “matar todas as pessoas que estiverem ao meu lado”. À coluna, a universitária também esclareceu alguns rumores que saíram na imprensa sobre o término de seu relacionamento com Eduardo, como o recebimento de uma mesada no valor de R$ 10 mil e disse que o verdadeiro valor do carro que ela ganhou do sertanejo quando eles namoravam foi de R$ 110 mil e não de R$ 400 mil, conforme o próprio cantor disse na época. “Sobre a mesada […] isso não procede, porque se trata de um acordo judicial de separação, onde definimos junto a um advogado um determinado acordo, já que ele não queria que eu entrasse na justiça para ir atrás dos meus direitos. […] Tendo base pela lei, se um casal passar 6 meses morando juntos, a mulher tem seus direitos, principalmente uma que largou tudo pra ficar com ele, e me dedicar a ele e a nossa vida, nosso ‘casamento’ na época”, afirmou. O sertanejo nega o acordo judicial e diz que tudo foi resolvido de forma amigável.

No tocante às mensagens em tom de ameaças enviadas por Weliton Costa à Victória Villarim, Eduardo Costa, em um primeiro momento, negou que a informação fosse verdadeira, mas, no dia seguinte, admitiu a veracidade e pediu desculpas pelo irmão.

Weliton Costa, Eduardo Costa
Weliton Costa e o irmão, Eduardo Costa (Foto: Reprodução)

Barracos, traição e muita fofoca ao vivo no canal do TV FOCO no YOUTUBE. INSCREVA-SE

Sobre o autor

Redação TV Foco