Volkswagen: confira tudo sobre a montadora

Volkswagen: confira tudo sobre a montadora

Encerramento das produções: O adeus de 7 carros da Volkswagen, incluindo o Tiguan, extintos no Brasil

Volkswagen (Reprodução/Internet)
Volkswagen (Reprodução/Internet)

Modelos que acabaram não dando certo deram adeus

O setor automotivo está passando por mudanças significativas, e a Volkswagen, por mais que seja a queridinha de muitos em questão de modelos e de carros no geral, acaba também dando adeus a alguns modelos, seja ele por diversos fatores.

O Tiguan, conhecido por sua presença marcante e desempenho sólido, é um dos modelos que deixará de ser produzido localmente. Essa mudança pode ser parte de uma estratégia maior da Volkswagen para focar em outros modelos mais alinhados às preferências e necessidades dos consumidores brasileiros.

Mas não é somente o Tiguan que acabou dando adeus as concessionarias, veja abaixo mais modelos da marca:

1- Up!

Up! (Reprodução/Internet)
Up! (Reprodução/Internet)

Ao longo de sua trajetória, a Volkswagen posicionou o up! em duas propostas distintas. Inicialmente, ele apresentava um perfil mais popular, evidenciado pelo porte e pelos equipamentos de nível intermediário. Contudo, após passar por um facelift na linha 2018, a marca optou por reposicioná-lo em sua gama, tornando-o o segundo carro mais acessível da marca (o Gol ficou no início da gama), deixando de ser o mais econômico.

Volkswagen devasta com comunicado aos funcionários e após quase 100 anos toma decisão: “Não é mais competitiva”

Veja também

Com essa mudança estratégica, o up! tornou-se gradualmente mais caro, afastando-se do interesse dos consumidores brasileiros que buscavam um veículo bem construído e equipado, mas ainda assim acessível e compacto.

O modelo foi descontinuado em abril de 2021 e homologado para apenas quatro passageiros, uma vez que a Volkswagen escolheu não se adequar às novas regulamentações que exigiam cinto de três pontos e apoio de cabeça para todos os ocupantes, removendo assim um passageiro e colocando apenas um aviso rudimentar de “Proibido utilizar o assento”.

2- Passat

Passat (Reprodução/Internet)
Passat (Reprodução/Internet)

Assim como seu principal concorrente, o Ford Fusion, ambos foram descontinuados por razões semelhantes. Ambos pertenciam à categoria de sedãs grandes, que experimentou uma demanda cada vez menor, resultando em uma oferta reduzida.

A ascensão dos SUVs/Crossovers contribuiu significativamente para o declínio dos sedãs no mercado global, uma mudança que ocorreu de maneira impactante também no Brasil.

Na casa dos 20 mil: Volkswagen arma super lançamento de carro para dar fim na concorrência em país

O Passat, conhecido por seu bom acabamento, conjunto mecânico robusto e extensa lista de equipamentos para a época, foi retirado de linha em agosto de 2020. Essa decisão foi motivada pelo aumento significativo do dólar e pela diminuição da procura, como já explicado anteriormente.

3- Fox

Fox (Reprodução/Internet)
Fox (Reprodução/Internet)

O Volkswagen Fox acumulou muitas vendas ao longo de sua trajetória no Brasil, mas nos últimos anos de sua existência, tornou-se notavelmente defasado em comparação com os concorrentes que apresentavam projetos mais modernos.

Mesmo enfrentando o peso da idade, o modelo continuou a ter vendas relativamente sólidas a partir da linha 2018. Essa atualização reduziu as versões e as concentrou mais em oferecer uma boa relação entre custo e benefício. Por um preço semelhante ao de muitos concorrentes com motor 1.0, o Fox proporcionava um propulsor 1.6 e uma lista de itens de série bastante generosa para sua proposta.

Renault, Citroën, Volks e mais: OS melhores e incríveis CARROS usados de 2023 para comprar por até R$ 20 mil

Entretanto, a Volkswagen optou por encerrar a produção do hatch no Brasil, presumivelmente porque ele poderia perder espaço no mercado com o tempo, e não estavam previstas atualizações para seu projeto, muito menos o desenvolvimento de uma nova geração.

4- Tiguan Allspace

Tiguan Allspace (Reprodução/Internet)
Tiguan Allspace (Reprodução/Internet)

O Volkswagen Tiguan Allspace não foi descontinuado definitivamente, mas está temporariamente indisponível para compra no Brasil, inclusive não sendo listado no site oficial da Volkswagen. Desde o lançamento da nova geração, batizada de Allspace, o modelo teve boas vendas, mesmo após a interrupção das versões 250TSI e Comfortline, que ofereciam um bom custo-benefício e eram mais acessíveis que a variante “esportiva” R-Line, que acabou se tornando a única opção da linha pouco tempo depois.

Para substituir o GOLF no Brasil: Volkswagen se arma com SUPER lançamento de carro para aniquilar rivais

O SUV médio de sete lugares continua destacando-se pelo bom acabamento, ampla lista de equipamentos, desempenho potente, design bem elaborado e pela experiência de condução agradável. Antes de se tornar indisponível, estava disponível apenas na versão de topo R-Line, equipada com o motor 2.0 350TSI (turbo) de até 220 cv e 35,7 kgfm, além da tração nas quatro rodas 4Motion, que atua automaticamente conforme a demanda.

Embora não seja possível adquirir o Tiguan Allspace no momento, há sim planos para seu retorno ao mercado brasileiro em breve, apresentando um facelift que trará ligeiras alterações em seu design e na lista de itens de série. A interrupção temporária ocorreu em outubro de 2021.

5- Jetta

Jetta (Reprodução/Internet)
Jetta (Reprodução/Internet)

Na realidade, o Volkswagen Jetta continua sendo vendido nos dias atuais, razão pela qual optamos por incluí-lo em nossa lista. Anteriormente, o sedã médio estava disponível em diversas versões, como a 250TSI, Comfortline, R-Line e GLI. No entanto, atualmente, o Jetta está disponível apenas na versão topo de linha, a GLI, que se destaca por seu caráter esportivo, principalmente devido à motorização 2.0 350TSI.

O preço DESPENCOU: Volkswagen acaba de passar o facão no valor de 2 carros AMADOS a milhares em NOVEMBRO

6- SpaceFox e SpaceCross

SpaceFox e SpaceCross (Reprodução/Internet)
SpaceFox e SpaceCross (Reprodução/Internet)

O segmento de peruas e minivans já foi consideravelmente mais forte em diversos mercados, incluindo o brasileiro. No entanto, a demanda por esses veículos diminuiu significativamente, levando ao gradual desaparecimento de modelos que atuavam nessas categorias.

Em decorrência desse cenário, a SpaceFox (juntamente com a variante aventureira SpaceCross) foi retirada do mercado. Além disso, seu preço era considerado elevado em relação a modelos mais modernos e bem equipados que competiam na mesma faixa de preço. Com a mudança de preferência dos consumidores para os SUVs/Crossovers, o futuro da perua se tornou desafiador caso a montadora decidisse mantê-la no Brasil.

A Volkswagen oficialmente removeu o modelo de seu catálogo em outubro de 2019, embora a produção já tivesse sido encerrada alguns meses antes. As últimas unidades foram comercializadas até que o estoque se esgotasse. A variante mais aventureira, chamada SpaceCross, já havia deixado o mercado brasileiro em 2017.

VOLTA TRIUNFAL! Volkswagen chega com os dois pés na porta e ressuscita carro amado após anos

7- Golf e Golf Variant

Golf e Golf Variant (Reprodução/Internet)
Golf e Golf Variant (Reprodução/Internet)

O encerramento da produção da linha Golf pode ser atribuído principalmente à mudança nas preferências do mercado, com os SUVs/Crossovers conquistando uma fatia significativa do público. Esses veículos se tornaram extremamente populares, ocupando espaço e faixas de preço que antes eram dominadas pelos segmentos médios de hatches, sedans e peruas.

Com a queda na procura por sedans médios, o Golf, sendo um hatch médio, foi ainda mais impactado. A versão perua do modelo, conhecida como “Variant”, também sofreu os efeitos dessa mudança de cenário. Tanto os dois modelos em suas últimas versões foram considerados caros e acabaram competindo entre si e com faixas de preços semelhantes aos de SUVs compactos, o que acabou não chamando tanto a atenção do público.

Encerramento das produções: O adeus de carro da Volkswagen após 41 anos no Brasil para a tristeza de muitos

Em outubro de 2019, a Volkswagen então decidiu encerrar a fabricação do modelo Golf GTI, a última versão. Posteriormente, a marca trouxe para o Brasil a configuração híbrida GTE, importada da Alemanha e limitada a 99 unidades. Contudo, essa versão foi descontinuada em dezembro de 2020, após enfrentar dificuldades de vendas, sendo necessária a intervenção de uma locadora de automóveis para escoar o estoque. A perua do Golf teve seu fim decretado mais cedo, em fevereiro de 2019.

🚨 Substitutos de Ana Maria batem boca + Ator diz que foi humilhado pela Globo + Adeus Rodriguinho?

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA