Éramos Seis Novelas

Éramos Seis: Alfredo surta e entra em parafuso com os efeitos da guerra

Alfredo (Nicolas Prattes) surtará em Éramos Seis (foto: reprodução/TV Globo)
Alfredo (Nicolas Prattes) surtará em Éramos Seis (foto: reprodução/TV Globo)

A guerra que tomou a cidade da novela das seis tem feito vários mortos e provocado reações inesperadas

Em Éramos Seis, de Pedro Peregrino, a guerra tomou conta da cidade e não tem previsão de acabar. Enquanto isso, as pessoas estão tentando viver da maneira que é possível e sem imaginar quando a tortura pode acabar. Pessoas desesperadas atrás dos familiares, medo e muita apreensão.

Alfredo está perturbado, a cabeça baixa, enfiada entre as mãos. Inês olha, até que ele se ergue. “Não se preocupe, não vou mais te amolar. A vida no front é solitária e atormentada mesmo. Cada um lida com seus fantasmas como pode.”, diz o homem ressentido.

Inês explica que apesar dos problemas, ele não pode perder a cabeça. Ele precisa estar em equilíbrio e com bom senso. “Esse era o Carlos! Ele acreditava em final feliz. Mas veja só que deboche do destino… Eu, que estou cheio das injustiças, das violações de direitos… Que me atiro nas coisas de cabeça por conta disso, estou aqui!”, desabafa em tom de pesar.

Inês (Carol Macedo) ficará grávida em Éramos Seis (Foto: Reprodução/Globo)
Inês (Carol Macedo) ficará grávida em Éramos Seis (Foto: Reprodução/Globo)

Inês tenta conversar com Alfredo

A moça pede que ele não comece novamente a falar sobre isso, mas Alfredo não a escuta e continua. “Já o Carlos, que não queria nada além de estar vivo… está morto! E o Tião? Fui eu que enfiei o Tião nessa porcaria de guerra! Que enchi a cabeça dele!”, explica Alfredo sentindo a culpa e a dor de viver na guerra.

Em Éramos Seis, Inês tenta colocar na cabeça de Alfredo que Tião se voluntariou na guerra por vontade própria, Alfredo não tem essa responsabilidade. O homem que parece não ouvir as súplicas da mulher dispara exaltado. Morreu, meu amigo morreu… tem justiça nessa vida?”.

Alfredo fala com gestos largos e esbarra num armário de remédios. Alguns vidros se quebram. Inês se aflige.Inês pede calma de Alfredo, pois ele pode se machucar. O homem retruca visivelmente alterado. “E quem se importa? Seria muito bem feito!”, responde Alfredo.

Inês tenta segurá-lo. Mas ele se desvencilha e sai, atormentado. A mulher tenta ir atrás, em vão. Da angústia dela, que fica ali muito tomada pela emoção dele. O capítulo de Éramos Seis está previsto para ir ao ar nessa sexta-feira (21).

TV Foco no Youtube

Sobre o autor

Melissa Ferrarezi

Jornalista, blogueira, atenta e sempre observando as boas coisas da vida.