Celebridades

Celebridades

Ex-Globo explica demissão do governo Bolsonaro e dispara: “Muita gente que não queria trabalhar”

Logo da Globo (Foto: Reprodução)
Logo da Globo (Foto: Reprodução)
Izabella Camargo e Marcos Pontes (Foto: Reprodução)
Izabella Camargo e o ministro do governo Bolsonaro, Marcos Pontes (Foto: Divulgação)

Ex-jornalista da Globo, Izabella Camargo revelou por que pediu demissão do governo Bolsonaro. Ela explicou que encontrou muita gente que não gosta de trabalhar e disse que irá cuidar de sua saúde.

Demitida da Globo no ano passado após revelar que era portadora da Síndrome de Burnout, uma doença sem cura, a jornalista foi convidada a integrar a equipe de comunicação do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações do governo Bolsonaro, pasta comandada pelo astronauta Marcos Pontes. Mas decidiu pedir exoneração.

+ Débora Nascimento surge em foto nua e José Loreto tem reação inesperada

“Quando fui chamada para o Ministério, fui de coração aberto para desenvolver o melhor trabalho de comunicação. Mas tive algumas crises, porque a gente é profissional. E num ambiente público você está lidando com pessoas que não estão a fim de trabalhar, e também com gente que está muito a fim”, disse Izabella Camargo ao Uol.

A jornalista contou ainda que se incomodava com a falta de comprometimento de alguns colegas de trabalho. “Eu me incomodava muito com frases de alguns servidores do tipo: ‘Estou aqui para fazer meu horário e ir embora’. Isso tem em todo departamento público, mas claro que vão negar”.

Veja também

+ Neymar faz desabafo sobre pós término com Bruna Marquezine e se irrita: “Não aguento mais”

Izabella Camargo disse ter gostado da experiência participar do governo Bolsonaro no pouco tempo em que permaneceu no cargo, mas que agora pretende cuidar de sua saúde.

“Foi muito legal fazer isso pelo país, pelo Ministério, mas eu preferi abrir mão desse universo de possibilidades para cuidar da minha saúde e falar desse assunto de maneira clara e verdadeira. Ainda há muito preconceito sobre a saúde mental. Comecei a trabalhar aos 16 anos e agora, aos 38, pela primeira vez vou cuidar de mim e continuar com essa bandeira”, afirmou.

IZABELLA CAMARGO SURGE ABATIDA POR CAUSA DE DOENÇA

A jornalista Izabella Camargo no telejornal Hora Um (Foto: Reprodução/Globo)
A jornalista Izabella Camargo no telejornal Hora Um
(Foto: Reprodução/Globo)

Demitida da GloboIzabella Camargo apareceu abatida e fez um desabafo sobre a Síndrome de Burnot, doença diagnosticada em 2018 e que a fez perder o emprego na emissora.

Por meio de seu perfil oficial no Instagram, a jornalista falou sobre seu sofrimento com a doença e as crises que vem passando. “Acha que burnout tem cura? Passei pela sexta crise em 4 meses e ainda tem gente que não sabe do que estamos falando”, desabafou ela na publicação postada nesta terça-feira (09).

Em vídeo, Izabella fez um relato sobre a convivência com a síndrome. “Outro dia um executivo perguntou para mim: ‘Izabella, como você superou o estresse? Como você superou o Burnout?’. Disse a ele: ‘não superei, eu convivo com ele. Convivo com o Burnout e com uma quantidade de estresse bastante prejudicial à saúde’”, disse.

+ Grazi Massafera tem reencontro triunfal com Pedro Bial 14 anos após BBB5

“Não é exclusividade minha, né? Muitas pessoas estão passando pelo menos. E ontem, depois da sexta crise de Burnout neste ano, quando cheguei ao hospital, nem os médicos, nem o diretor do próprio hospital sabiam como tratar alguém que estivesse passando por uma crise decorrente do Burnout”, contou.

“Então, além de me tratar, porque o Burnout não tem cura, só tem tratamento, eu vou usar toda a minha energia para que mais pessoas possam procurar ajuda e possam entender esta epidemia. Vamos juntos…bons caminhos para nós”, finalizou a jornalista.

Izabella Camargo, de 38 anos, foi dispensada da Globo em 2018, segundo ela, “por ter ficado doente”.

https://www.instagram.com/p/BwCYzftFzv_/?utm_source=ig_embed

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários