FICARAM NA SAUDADE!

EXTINÇÃO: O adeus de 5 refrigerantes amados arrancados das prateleiras do Carrefour, Assaí e mais

09/07/2024 às 7h00

Por: Lennita Lee
Imagem PreCarregada
5 refrigerantes deram adeus para as prateleiras dos supermercados como Assaí e Carrefour (Foto Reprodução/Montagem/Lennita/Tv Foco/Canva/Freepik)

5 refrigerantes marcantes que permanecem na memória de milhares de brasileiros sumiram de vez nas prateleiras de grandes mercados como Assaí, Carrefour e mais …

Coloridos, atraentes, refrescantes e muito saborosos! Essas são as características mais marcantes dos refrigerantes, bebidas que são figurinhas carimbadas em comemorações, eventos e no dia a dia de todos os brasileiros.

Seja para acompanhar um almoço em família seja no lanche da tarde, eles estão sempre ali, prontos para fazer a felicidade de todos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por mais incrível que pareça essa bebida é muito mais antiga do que parece. De acordo com o portal Brasil escola, a bebida surgiu pela primeira vez no ano de 1676 em Paris.

A princípio ele foi criado com água, sumo de limão e açúcar. Naquela época, não havia ainda descoberto ainda a água misturada ao gás carbônico. Mas em 1772, Joseph Priestley realizou experiências acrescentando gás em líquidos e somente em 1830 que ele foi de fato comercializado.

Continua após o Veja Também

Veja também

E por falar em Carrefour: confira tudo sobre a varejista!

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Desde então, uma infinidade de marcas bem como aperfeiçoamentos foram fazendo a bebida a coqueluche de sucesso que é até hoje. Inclusive, entre as marcas existentes no mercado, sempre tem aqueles nomes queridinhos que ficam no nosso top 5, como a poderosa Coca-Cola e o nosso inigualável Guaraná Antártica.

Mas apesar da predileção, muitos outros refrigerantes marcantes que já passaram por aqui, infelizmente foram extintas e sumiram das prateleiras de mercados como Assaí, Carrefour e mais, cravando assim o fim de uma era..

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sendo assim, de acordo com informações coletadas na Veja, separamos 5 dessas marcas de refrigerante, que apesar do adeus, continuam bem vivos em nossas lembranças.

Então preparem o coração, pois a nostalgia irá bater forte!

1-Guaraná Taí

Pra iniciar a lista, temos o que mais marcou a década de 80/90; O Guaraná Taí.

Ele surgiu pela primeira vez ainda em 1979 e fez a alegria de muitas festinhas de aniversário, eventos empresariais, entre outros. Inclusive, muitos dos que estão lendo agora, devem ter memórias afetivas com esse guaraná, não é mesmo?

Infelizmente, entre o fim da década de 80 e começo da 90, ele deu seu adeus definitivo nos mercados.

O que coincidiu com a época em que  a Coca-Cola começou a fazer do Kuat, “ O legítimo guaraná da Amazônia”, como dizia a propaganda.

2-Fanta Limão

Introduzida no mercado nacional em 1978, a Fanta Limão, apesar das expectativas,  acabou não durando muito.

Ela parou de ser fabricada logo no ano de 1984, ano em que a Sprite, que já era sucesso fora do Brasil, passou a ser fabricada por aqui.

O que acabou culminando no fim da Fanta Limão, após perder o espaço aqui.

O interessante é que a Coca-Cola, que também é dona da Fanta, já era dona da Sprite desde 1955, fazendo com que um refrigerante da mesma família substituísse outro …

3-Guaraná e Limão Brahma

Lançados na década de 80, tanto o guaraná quanto a soda limonada da Brahma, conhecida como Limão Brahma, foram ícones da década.

Sua produção foi interrompida no início de 2001, depois da fusão da Antarctica com a Brahma, formando a AmBev, já que os produtos similares da Antarctica tinham melhor aceitação.

4-Guaraná Skol

Esse é do tempo da vovó, e talvez muitos aqui nunca provaram o mesmo.

O Guaraná Skol  foi o primeiro refrigerante em lata vendido no Brasil, ele foi lançado ainda no ano de 1975.

Mas engana-se que essa latinha era simples de abrir. Naquela época, era necessário o uso de um abridor de latas, fazendo com que esse item fosse praticamente indispensável no bolso de muitos … Imagina só, andar com um abridor de latas hoje?

Obviamente, com os tempos se modernizando, e os refrigerantes cada vez mais diferenciados surgindo no mercado, a extinção do Guaraná Skol foi inevitável.

Tendo sua interrupção definitiva em 1989, na mesma época em que a Brahma adquiriu a Skol.

5-Crush

Pra finalizar, o mais charmosinho da lista! O refrigerante de laranja chamado Crush, era uma alternativa à Fanta nos anos 70, com um sabor bem mais forte e uma coloração laranja-avermelhada.

Com o tempo, a marca sumiu do mercado, mas foi revitalizada no Nordeste do Brasil por uma subsidiária da Coca-Cola, que vende a Crush nos sabores caju e guaraná.

Qual foi o primeiro refrigerante do Brasil?

De acordo com o portal Insight foi no ano de 1870 que apareceu o primeiro refrigerante industrializado e gaseificado em nosso país: a Gengibirra (Ginger Ale).

A novidade fez com que a população fosse perdendo o interesse pelo aluá e outras bebidas artesanais. O aluá, porém, não desapareceu para sempre.

Gengi-Birra, o primeiro refrigerante do Brasil (Foto Reprodução/Blog do Tubaína Bar)
Gengi-Birra, o primeiro refrigerante do Brasil (Foto Reprodução/Blog do Tubaína Bar)

🚨 Tati Machado titular do Encontro + Estrelas intocáveis da Globo + Datena fora da Band: "Não tem dinheiro"    

Anos 80
Anos 90
Assaí
Carrefour
Destaque
mercados
refrigerante
Lennita Lee

Autor(a):

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida.Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever.Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia e os bastidores das principais emissoras brasileiras.Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ...Atualmente escrevo notícias sobre os últimos acontecimentos do cenário econômico, bem como novidades sobre os principais benefícios e programas sociais.

Botão de fechar
Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.