Agora

Agora

Estúdios esvaziados, venda à rival e falência: O triste fim de emissora de TV após não suportar crise

O triste fim de emissora de TV. Foto: Reprodução/Internet
O triste fim de emissora de TV. Foto: Reprodução/Internet

Emissora de TV popular acabou chegando ao fim e fechando as portas após venda à rival e falência, não suportando a crise

A crise econômica pode ter consequências devastadoras para várias empresas, incluindo emissoras de TV. Um exemplo recente disso foi o triste fim de uma emissora de TV que enfrentou uma série de desafios financeiros e operacionais, levando-a à falência e ao esvaziamento de seus estúdios.

A situação da emissora se deteriorou ao longo do tempo, à medida que enfrentou quedas significativas na receita de publicidade e audiência em declínio. Isso resultou em dificuldades financeiras crescentes, tornando insustentável a manutenção de sua operação.

Terra e Paixão – Agatha consegue aliada da mesma laia e arma derrocada contra os La Selva

FALÊNCIA

A história da TV Rio é um retrato de ascensão e declínio no cenário televisivo brasileiro. Fundada em junho de 1955 pelo empresário João Batista do Amaral, conhecido como “Pipa”, a emissora fluminense viu seus melhores dias nas décadas iniciais de sua existência.

Segundo o TV Pédia, durante seu auge, a TV Rio fez parte das Rede de Emissoras Unidas, liderando, ao lado da TV Record de São Paulo, entre 1959 e 1967. No entanto, o sucesso da emissora começou a declinar a partir de 1967, quando uma série de fatores adversos começou a afetar sua trajetória.

Veja também

A desestruturação da aliada TV Record, a saída de profissionais renomados como Boni e Walter Clark, a falta de artistas de grande projeção e a concorrência com a recém-inaugurada TV Globo foram alguns dos obstáculos que a TV Rio enfrentou nesse período.

Em uma tentativa de revitalizar a emissora, em 1971, 50% das ações da TV Rio foram vendidas para o grupo Gerdau e para o grupo da Televisão Difusora de Porto Alegre, representado por diretores como Walmor Bergesch e José Sallimen Jr.

Essa mudança na gestão trouxe uma drástica transformação na programação, que passou a ser composta principalmente por filmes antigos e programas enlatados. Como resultado, a audiência da emissora despencou.

TV Rio. Foto: Reprodução/Internet
TV Rio. Foto: Reprodução/Internet

“Vai desligar as suas atividades”: O anúncio oficial de fim da Danone em país após anos, motivo e adeus

FIM

A busca por novos estúdios e mudanças frequentes de sede não conseguiram reverter o quadro de declínio da TV Rio. Em 1974, uma nova direção assumiu o canal, liderada por Carlos Alberto Scorzelli.

Houve até a promessa de compra da emissora, mas as cláusulas do contrato não foram cumpridas, e a emissora passou por um novo processo de mudança de proprietários, sendo adquirida por um grupo liderado pelo jornalista João Gualberto Matos de Sá (Alberto Matos).

A decadência da TV Rio se tornou inevitável, e a emissora acumulou dívidas crescentes, tanto com fornecedores quanto com funcionários. O canal, que já exibia uma programação predominantemente voltada para um público de baixo poder aquisitivo, chegou a ter cerca de 80% de seus programas produzidos ao vivo, devido à falta de recursos técnicos e equipamentos adequados.

À medida que a situação financeira da emissora se deteriorava, ela estava prestes a fechar suas portas. A dívida da TV Rio atingiu cifras astronômicas, ultrapassando Cr$70 milhões.

Com o peso dos problemas financeiros, o triste destino da emissora se concretizou em 11 de abril de 1977, quando a TV Rio declarou falência e encerrou suas operações, encerrando assim um capítulo marcante da história da televisão brasileira.

Falida há anos, varejista gigante acaba de ressurgir do cemitério e tem retorno triunfal com mais de 20 lojas

TV Rio. Foto: Reprodução/Internet
TV Rio. Foto: Reprodução/Internet

🚨 Rodriguinho arma plano contra Davi no BBB24 + Estrela do SBT na Globo + Record arranca programa do ar após 05 anos

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Quem escreve

Larissa Santos

Cursando Relações Públicas na Universidade Anhembi Morumbi. Apaixonada por entretenimento e com passagens por outros sites como o AaronTuraTV, meu objetivo é informar com maior objetividade e clareza possíveis.