Celebridades Val Marchiori

Apresentadora famosa desabafa sobre não conseguir mais gastar 500 mil dólares em uma dia e falência é apontada

Val Marchiori apresentadora Foto: Reprodução/Internet
Val Marchiori
(Foto: Reprodução/Internet)

Reconhecida por seu estilo sem papas na língua e por ter integrado o elenco de Mulheres Ricas, Val Marchiori disse que, por causa da crise, ficou inviável gastar 500 mil dólares em uma única tarde de compras

A socialite e apresentadora Val Marchiori, que ficou famosa e ganhou projeção nacional após participar do elenco do reality show “Mulheres Ricas”, revelou recentemente que, por causa da crise que tomou conta do país nos últimos anos, gerando uma série de desempregos, ficou inviável para ela gastar quinhentos mil dólares em uma única tarde de compras.

Em entrevista ao site “Observatório dos Famosos”, a ex-apresentadora da RedeTV!, Val Marchiori, que inclusive, teve sua participação em A Fazenda 11 especulada, relatou que seus negócios também foram afetados pela crise e que, por conta disso, ela já não pode mais ostentar como fazia no passado.

Segundo a apresentadora contou ao site, em uma única tarde, na ocasião em que ainda era casada, ela chegou a gastar quinhentos mil dólares em uma loja de “altíssima costura”.

“Gastei 500 mil dólares na companhia de uma amiga numa tarde em Nova York, ainda estava casada”, revelou a apresentadora, que reclamou da alta do dólar atualmente, que tem alcançado índices altos na gestão do presidente Jair Bolsonaro.

No entanto, apesar da alta do preço do dólar, que ultrapassou os R$ 4, Val Marchiori é simpatizante de Jair Bolsonaro e teceu elogios ao atual presidente brasileiro. “[Bolsonaro] é um cara que quer fazer a diferença, não votei nele no primeiro turno. Sou a favor de muitas coisas que ele falava antes. Tenho esperança… melhor do que estava com certeza”.

Ainda na entrevista ao Observatório dos Famosos, a apresentadora Val Marchiori falou sobre a exposição e reconhecimento vindo do reality Mulheres Ricas, e disse que isso a impossibilitou de andar na rua normalmente, sem sofrer assédio do público.

“Depois do Mulheres Ricas o assédio aumentou, ficou muito difícil [ir às lojas]. Tem gente que descobre meu endereço, fica no meu prédio três dias para tirar foto comigo… Esse povo é tudo doido”, disparou a apresentadora.

TV Foco no Youtube

Sobre o autor

Redação TV Foco