Globo

Felipe Neto questiona audiência da Globo e discute com herdeiro da emissora em evento

Felipe Neto e Paulo Marinho, diretor da Globosat. (Foto: Montagem/Divulgação)
Felipe Neto discute audiência da Globo com Paulo Marinho, diretor da Globosat. (Foto: Montagem/Divulgação)

Uma das questões que ora ou outra entra em pauta atualmente no mundo dos negócios do audiovisual é a disputa entre a televisão e a internet, onde a primeira estaria perdendo espaço e audiência para a segunda.

No Youpix Con, evento que reúne criadores de conteúdo digital, especialistas e profissionais de diferentes empresas, realizado na última semana no Rio de Janeiro, houve um debate forte em relação a esse assunto. Felipe Neto, atualmente o segundo maior youtuber do Brasil, e em franco crescimento nos últimos anos, questionou o monopólio da Globo no mercado publicitário e até a audiência da emissora carioca, que curiosamente, vive ótima fase.

Em um áudio que circula pela internet, Felipe detona o modelo atual do mercado e o chamado “BV”, uma espécie de bonificação dada por agências de publicidade quando uma meta de volume de produção é atingida. “A questão é como a audiência desce e a receita de publicidade sobe. Não há mais justificativa em audiência, não há justificativa sólida e concreta que não seja o BV, o relacionamento, e mandar o cara para França para assistir Cannes com dinheiro da agência”, disparou o polêmico youtuber, citando a relação desse modelo com a Globo.

+ MTV Brasil define futuro do reality de namoro “Are You The One?”

Paulo Marinho, um dos diretores da Globosat e herdeiro do Grupo Globo, que também acompanhava a palestra, interrompeu o youtuber e discordou da sua posição. “Isso não é verdade. A audiência não está caindo. Dentro do universo da televisão não está caindo. Tem uma divisão digital que está crescendo. A Globo ou a Globosat na payTV estão com audiências históricas. Você colocou na conta da Rede Globo uma coisa que é estrutural de mercado”, falou o executivo, citando ainda que o sistema de medição de audiência feito no Brasil é o mesmo utilizado em outros países, incluindo os Estados Unidos. “Só pra deixar como informação: são 100 milhões de pessoas que passam pela TV Globo por dia”, justificou.

Felipe rebateu a afirmação do diretor: “E você acredita nesse número? 100 milhões de pessoas por dia? Tudo bem que você não considera que 60% da audiência da televisão não olha pra televisão, né? Teve essa pesquisa recentemente e ninguém comenta”.

Confira o vídeo com o áudio da discussão:

Participe agora do grupo do TV FOCO no Telegram e receba tudo sobre BBB - Clique aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Renan Santos

Atuando também como roteirista de TV e cinema, Renan é redator e colunista do TV FOCO desde 2014, noticiando e criticando o mirabolante e imprevisível universo televisivo e dos famosos.