Celebridades Fez História SBT

Fez História: SBT exibe suicídio de adolescente e emissora é condenada a pagar indenização milionária

Em 1993, o Aqui e Agora do SBT exibiu o suicídio da jovem Daniele Lopes (Imagem: Reprodução)
Em 1993, o Aqui e Agora do SBT exibiu o suicídio da jovem Daniele Lopes (Imagem: Reprodução)

Em 15 de julho de 1993, a emissora de Silvio Santos chocou o público ao exibir uma matéria sobre o suicídio de uma jovem de apenas 16 anos. As imagens da queda foram transmitidas dentro de uma reportagem de 10 minutos apresentada no polêmico Aqui Agora

A equipe de reportagem do SBT que acompanhava o jornalista Sérgio Frias estava na região central de SP, e tinham um radio sintonizado na frequência dos bombeiros e policiais. Por volta das onze horas da manhã, o porteiro de um prédio localizado no centro de São Paulo entrou em contato com os socorristas para avisar que uma menina de 16 anos estava na beira do prédio ameaçando pular.

A menina era a jovem Daniele Alves Lopes, segundo sua amiga, Vânia Maria Duarte de Oliveira, Daniele estava triste por não ter um amor correspondido por outro jovem de dezenove anos, a matéria foi publicada pelo jornal Folha de São Paulo na época. A jovem ficou por cerca de 15 minutos sentada no topo do prédio. Pouco tempo depois da equipe de socorristas chegar, junto com a equipe do Aqui e Agora do SBT, a jovem pulou de uma altura de 25 metros.

“Ela pulou, ai meu Deus”, disse o jornalista do SBT, Sérgio Frias, enquanto o cinegrafista José Meraio fazia as imagens. Todo o material, inclusive a queda de Daniele virou uma matéria de mais de dez minutos que foi transmitida por volta das 20hs no Aqui e Agora.

No momento da reportagem, o SBT alcançou 20 pontos na audiência, a média do Aqui e Agora era de 15 pontos naquela época. A emissora de Silvio Santos recebeu diversas críticas por conta da reportagem. Marcos Wilson diretor nacional de jornalismo do SBT ainda comentou sobre a matéria que repercutiu negativamente para a TV: “Nós tivemos a preocupação de avisar o telespectador que as imagens eram fortes, pedimos para as crianças não assistirem e mostramos que o suicídio nunca é a saída. A saída é a vida” disse ele para o Jornal Folha de São Paulo. E disse que ao seu ver não houve abuso da emissora: “Abuso teria sido reprisar as imagens em câmera lenta”, disse o responsável pelo jornalismo do SBT.

Segundo o site, Aventuras na História, a família da moça entrou na justiça contra o SBT e ao final do processo ganhou uma indenização de R$1 Milhão.

Ivo Morganti e Christina Rocha eram os apresentadores do Aqui e Agora no SBT em 1993 (Imagem: Reprodução)
Ivo Morganti e Christina Rocha eram os apresentadores do Aqui e Agora no SBT em 1993 (Imagem: Reprodução)

TV Foco no Youtube

Sobre o autor

Mozuka Braga

Formado em Publicidade, Rádio e TV e Teatro é um apaixonado pelo mundo do entretenimento, principalmente séries e novelas. Em 2016 também concluiu sua pós em Produção Executiva e Gestão de TV pela FMU.