Celebridades

Celebridades

Filho de Bruno Covas escancara últimos momentos do pai, reconciliação com mãe e perda brutal

Bruno Covas faleceu no último domingo e seu filho, Tomás, concedeu uma entrevista ao Fantástico em que honrou o legado deixado pelo político

Morreu na semana passada o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, vítima de câncer. O político deixou no mundo seu filho, Tomás, a quem era muito apegado. A morte, é claro, deixou o rapaz, de 15 anos, bastante arrasado, mas não o impediu de conceder uma entrevista ao Fantástico para elogiar o homem que o colocou no mundo.

“Ele foi muito guerreiro, ele batalhou muito. A gente sentia a vontade que ele tinha, o sorriso no rosto no dia a dia”, disse o menino, que negou notícias que saíram na mídia de que o clima no hospital nos momentos em que o pai estava internado era de velório, afirmando que era de absoluta descontração e alto astral.

Filho de Bruno Covas quebra o silêncio

“Era totalmente ao contrário o clima do hospital. Ele foi muito guerreiro. Batalhou muito. Ele sempre com coragem de enfrentar a doença. A gente sentia a vontade que ele tinha. O sorriso no rosto no dia a dia”, contou ele, que relembrou a ida ao jogo da final da Libertadores com Bruno Covas, que foi bastante criticada.

Veja também

Tomás também revelou que viu Bruno Covas chorar apenas uma vez nesse tempo todo, não sendo comum ver o pai baixar a cabeça mesmo perante as adversidades. “Estava só eu e ele no quarto. Foi quando teve que se licenciar, que o câncer avançou para os ossos. Eu falei que ia dar certo, que a gente ia vencer”, disparou ele.

Acaba de morrer o prefeito de São Paulo, Bruno Covas - Foto: Reprodução
Bruno Covas deixou um filho – Foto: Reprodução

Já sobre suas próprias reações, Tomás revelou que foi bastante impactante ver o pai sedado. “Foi muito forte pra mim. Fiquei mal, muito mal. Depois de uma hora tentei ficar um pouco mais tranquilo, voltei lá e fiquei 100% do tempo do lado dele”, contou o menino, que também pulou de paraquedas com Bruno Covas.

Emoção

Tomás contou que segurou a mão de Bruno Covas no dia da morte e chegou a dormir nesse estado. Ele estava ao lado da mãe quando o pai estava nos últimos momentos. “Teve uma sensação de que ele esperou eu aceitar e conversar com ele sobre isso. A gente ficou do lado dele, abraçou e falou para ele descansar”.

Veja agora: Apresentador galã de TV dá basta e resolve se assumir gay de vez: veja fotos   

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários