Agora

Agora

Encerramento de produções: O fim de moto mais AMADA da HONDA após décadas no Brasil e tristeza de motoqueiros

Honda deu adeus a um dos seus modelos mais icônicos e amados, após décadas (Foto Reprodução/Montagem/Tv Foco)
Honda deu adeus a um dos seus modelos mais icônicos e amados, após décadas (Foto Reprodução/Montagem/Tv Foco)

Uma das motos mais icônicas e amadas da HONDA acabou dando adeus para sempre, deixando milhares de motoqueiros desolados

As motos são itens indispensáveis em quem ama viver sob duas rodas. Entre tantas marcas e modelos, muitas delas perpetuam por gerações outras permanecem apenas no coração desse público.

É indiscutível que a Honda, de longe, seja uma das marcas que mais tem tradição nesse setor. Porém, como tantas outras montadoras, ela não está isenta em dar adeus a seus modelos, mesmo que seja os mais icônicos.

Triste adeus

O ano era 2019, mais precisamente em fevereiro daquele ano, quando a Honda confirmou o fim da produção de um dos seus modelos mais amados, após um pouco mais de 4 décadas (42 anos) no país, o que deixou muitos brasileiros em choque.

Estamos falando da Honda CG 125 que foi lançada no ano de 1976 como a 1ª moto nacional da marca japonesa, inclusive, de acordo com o portal Auto Escola, ela foi a mais vendida do país por anos a fio.

Honda CG 125 parou de ser produzida no brasil em 2019 (Foto Reprodução/Internet)
Honda CG 125 parou de ser produzida no brasil em 2019 (Foto Reprodução/Internet)

Em seu último ano de vendas, no ano de 2018, a CG 125 foi apenas a 7ª moto mais emplacada do Brasil, alcançando 28.401 unidades.

Mas por que ela foi extinta?

Com a nova regra que exige CBS ou ABS nas motos novas desde o início do ano de 2019, a montadora decidiu não investir no sistema para a 125. Assim, ela não poderia ser mais fabricada.

Foi o mesmo motivo que tirou de linha outros veículos populares, como a Kombi, em 2014. quando passou a valer a obrigatoriedade de freios ABS e airbags para carros zero.

A Honda CG 160 substituiu a Honda CG 125 (Foto Reprodução/Motor1)
A Honda CG 160 substituiu a Honda CG 125 (Foto Reprodução/Motor1)

De acordo com o G1, um dos motivos apontado pela própria Honda para o fim da CG 125 foi a mudança do público brasileiro, que na época estava mais interessado em segmentos como o de scooters.

A marca ainda lançou, na mesma ocasião, o modelo Elite 125 no Brasil e renovou o PCX 150, para reforçar a presença neste setor.

Apesar do fim da produção em Manaus, algumas unidades da CG 125 ainda podem ser encontradas no mercado de seminovas. Na OLX por exemplo, você consegue encontra-la na faixa de 5 mil reais.

Substituta

De acordo com informações divulgadas pelo Auto Esporte, a CG125 foi substituída pela CG 160, que se tornou líder de vendas e permaneceu por um tempo como único produto da linha.

Honda CG 160 substituiu a CG125 (Foto Reprodução/História Honda)
Honda CG 160 substituiu a CG125 (Foto Reprodução/História Honda)

🚨 Fátima Bernardes na Record + Thais Fersoza expõe farsa no BBB24 + Globo obriga Rodriguinho a se "humilhar" por Davi

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Quem escreve

Lennita Lee

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia e os bastidores das principais emissoras brasileiras. Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ... Atualmente escrevo notícias sobre os últimos acontecimentos do cenário econômico, bem como novidades sobre os principais benefícios e programas sociais.