Jair Bolsonaro

GloboJair Bolsonaro

Globo debocha de Bolsonaro em programa e público fica sem acreditar

Bolsonaro x Globo (Foto: Divulgação)
Bolsonaro x Globo (Foto: Divulgação)
Bolsonaro x Globo (Foto: Divulgação)
Bolsonaro x Globo (Foto: Divulgação)

No Tá no Ar: A TV na TV, programa que foi ao ar na noite da última terça-feira, 26 de março, a Globo voltou a ousar e debochou mais uma vez do atual Presidente da República, Jair Bolsonaro(PSL).

O humorístico da emissora carioca fez uma paródia com as músicas Segura o Tchan e Banho de Chuva e deixou os telespectadores em choque.

+Com doença misteriosa, Humberto Martins é afastado de novela e real estado de saúde é mais complicado que parece

Segura o Trump, amarra o Trump, segura o Trump, Trump, Trump, Trump, Trump, Trump… Amarra o Tramp, segura ele nessa questão. Tudo que é perfeito fala que é dos Estados Unidos, joga a culpa na Venezuela e Cuba”, dizia a letra.

“Tudo que é perfeito a gente joga na Direita, tudo que não é bom a gente diz que é da Esquerda. Olha a Damares pra falar o resultado…”, continua ele, cantando no ritmo da música do Compadre Washington. Em seguida, ele canta a música de Vanessa da Mata e completa.

Veja também

+Zé Ramalho sofre perda lastimável, se despede e faz homenagem comovente

Na música inspirada no sucesso de Vanessa da Mata, o elenco pede através da letra que o governo coloque os pontos nos “is”. “Aiaiaiaiaiai… esses pingos aí! Vamo tratar isso daí que é uma pouca vergonhaaaa”, finaliza o áudio com a voz do presidente. O programa ainda causou polêmica ao tratar temas relacionados à Ditadura, com paródias envolvendo as Coreias do Sul e do Norte.

ATOR DA GLOBO DEFENDE BOLSONARO

O Domingão do Faustão do último domingo (24) surpreendeu a todos com Ana Maria Braga, Tony Ramos e Marcello Novaes falando sobre política. Quando o quarteto começou a discutir, Faustão já deixou o seu recado para o atual governante do país, Jair Bolsonaro, e dividiu opiniões.

Tony Ramos (Foto: Divulgação)

Se não tem competência, que peça demissão“. Contrapondo o raciocínio do dono do programa, o veterano Tony Ramos se posicionou a favor de Jair: “A sociedade deu a resposta nas urnas, votou em quem quis, já se posicionou. Agora os poderes constituídos tem que dar uma lição de honradez, inteligência”.

+Juliana Paes completa 40 anos, não economiza e faz festa luxuosa para amigos famosos 

“Se não tem competência, que peça demissão. Os Poderes Judiciário, Legislativo, tem que ter equilíbrio. Não estou falando especificamente de uma pessoa. Está na hora de haver, não só por parte do presidente, mas de todos nós, um apelo à conciliação, ao entendimento“, disse ele.

Jair Bolsonaro x Globo (Foto: Reprodução)

No momento o clima pareceu fechar, mas logo ambos respeitaram as posições e continuaram opinando em relação a forma que o país está sendo conduzido. Vale lembrar que não é de hoje que Fausto Silva dribla as regras e manda recados ao vivo para os governantes do país.

Sempre quando o programa é ao vivo, os internautas ficam apostos esperando alguma gafe vindo do apresentador e essa última deu o que falar nas redes sociais. Muitos concordaram com Tony Ramos, já outros detonaram. “Tony Ramos mostrando lucidez e ensinando o que é democracia e respeito ao voto ao Faustão“, cravou um.

Ana Maria Braga e Faustão (Foto: Reprodução/Globo)
Ana Maria Braga e Faustão (Foto: Reprodução/Globo)

Tony Ramos, no Faustão da GLOBO, da uma aula da importância da democracia! “Precisamos dar tempo a quem está chegando agora, para conduzir o nosso país.” Parabéns!!!“, elogiou outro. “Sempre fui muito fã do Tony Ramos e das lições que ele passa, mas ele poderia ter se poupado e nos poupado de a essa altura de sua vida vir passar pano pra Bolsonaro”, se revoltou um internauta.

 

VÍDEO YOUTUBE: ⚠️ Simaria PROIBE Simone em sua casa e cantora reage

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários