Novelas Salve-se Quem Puder

Globo promove assassinato em Salve-se Quem Puder para mostrar se Programa de Proteção à Testemunha funciona no Brasil

Globo promove mortes falsas em Salve-se Quem Puder
Luna/Fiona ( Juliana Paiva ), Kyra/Cleyde ( Vitória Strada) e Alexia/Josimara ( Deborah Secco ) em Salve-se Quem Puder (Foto: Divulgação/TV Globo)

Globo ‘mata’ personagens em Salve-se Quem Puder para retratar Programa de Proteção à Testemunha no Brasil

A Globo decidiu abordar em Salve-se Quem Puder um tema que, para muitos, parece ficar apenas no mundo da ficção: o Programa de Proteção à Testemunha. Na nova novela das 7, que estreia nesta segunda-feira (27), a emissora carioca mostrará três mulheres que precisarão ‘morrer’ para poderem viver em paz.

O folhetim, escrito por Daniel Ortiz, retratará como Alexia (Deborah Secco), Luna (Juliana Paiva) e Kyra (Vitória Strada) terão a vida completamente transformada após presenciarem um crime e precisarem abandonar a vida verdadeira para assumirem uma nova identidade.

Além do novo nome, as moças passarão por uma mudança no visual e no estilo de vida na novela, dando início a uma jornada completamente diferente em uma cidade do interior de São Paulo.

Na Globo, Luzia, de Segundo Sol, mudou de identidade
Luzia/Ariela (Giovanna Antonelli) em Segundo Sol (Foto: Divulgação)

Mudar de identidade e iniciar uma vida totalmente distante daquela que tinha, no entanto, não é uma novidade na telinha da Globo. A ’tática’ é bastante usada nos folhetins há tempos. Você se recorda de Luzia (Giovanna Antonelli) na novela Segundo Sol? Depois de ser acusada de um crime que não cometeu, a moça deu um jeito de fugir para a Europa para se livrar da prisão e assumiu uma identidade completamente diferente da simples marisqueira que era no passado. A bela se tornou uma famosa DJ chamada Ariela e, claro, retornou ao Brasil após quase duas décadas para ‘cobrar’ aqueles que tanto lhe prejudicaram no passado.

Maria Paula (Marjorie Estiano) e Adalberto Rangel/Marconi Ferraço (Dalton Vigh) em Duas Caras

Em Duas Caras, Adalberto Rangel (Dalton Vigh) aplicou um golpe milionário em Maria Paula (Marjorie Estiano) depois do casamento. Sem piedade, o mau caráter levou tudo o que a parceira tinha. Em seguida, se mudou para o Rio de Janeiro e se submeteu a procedimentos cirúrgicos para alterar a aparência. Além disso, deu um jeito de também assumir outra identidade: a de Marconi Ferraço. Contudo, uma década depois, é descoberto pela ex, que vai atrás dele em busca de vingança na novela.

Nina (Débora Falabella) e Carminha (Adriana Esteves) em “Avenida Brasil” (Foto:Divulgação)

Já Rita (vivida por Mel Maia na primeira fase), de Avenida Brasil – exibida pela Globo em 2012 -, fez de tudo para acabar com a raça de Carminha (Adriana Esteves) depois de ter sido abandonada em um lixão pela então madrasta na infância. Após muito sofrer ao longo dos anos na novela, a moça reapareceu na vida da vilã como a cozinheira Nina (Débora Falabella), que foi trabalhar em sua casa para colocar em prática o seu plano contra a malvada.

TV Foco no Youtube

Sobre o autor

Daniela Silva