BBB22

BBB22

BBB22: Globo surpreende e debate entre Lula e Bolsonaro pode causar no reality

Lula e Bolsonaro podem ser mencionados no BBB22 (Foto: Reprodução / Internet)
Lula e Bolsonaro podem ser mencionados no BBB22 (Foto: Reprodução / Internet)

Apesar de impor várias restrições para os participantes do BBB22, a Globo não teve a mesma preocupação quando o assunto é política.

Como 2022 é um ano eleitoral,  Lula e Bolsonaro disputam voto a voto dos brasileiros, como ambos são de extremos, é comum que os participantes do BBB22 acabem falando sobre política na casa.

A Globo surpreendeu e o debate entre Lula e Bolsonaro não é um assunto proibido, ou seja, os participantes do BBB22 poderão expor as suas posições políticas sem medo de represálias.

De acordo com o jornalista Leo Dias, a Globo deu carta branca para que o elenco do BBB22, possa discutir sobre política dentro da casa mais vigiada do Brasil.

A falta dessa restrição, pode até promover um debate saudável entre os apoiadores de Lula e Bolsonaro. Mas também poder gerar várias tretas na casa.

POLARIZAÇÃO NO BBB22

Nas redes sociais, o público já manifesta que a polarização política que toma conta do Brasil repercutirá na casa do BBB22.

Veja também

A aposta dos internautas é por causa dos nomes ventilados para o reality show global, que conta com posicionamentos políticos contrários.

Qualquer objeção ou mal-entendido no BBB22, o ranço já será colocado em xeque-mate e o debate político de Lula e Bolsonaro podem render tretas dentro da casa.

DEBATE JÁ VIROU PAUTA EM OUTRA EDIÇÕES

Lula e Bolsonaro já foram protagonistas do BBB21, mesmo não estando confinados na casa mais vigiada do Brasil.

O debato político no BBB21, ficou a cargo de Gil do Vigor e Arthur Picoli, que teceram elogios ao ex-presidente, Lula.

Porém, Sarah Andrade foi bastante criticada no BBB21, ao expor as suas preferências políticas. A loira afirmou que gostava do presidente, Bolsonaro. Após deixar a casa, a ex-BBB se corrigiu e já declarou ser favorável a saída do presidente atual.

Gil do Vigor e Arthur Picoli abordavam o tema política através de códigos. Em uma das conversas cifradas dos participantes do BBB21, Arthur se referiu para o pernambucano:

“Se você virar político, seu número vai ser o 13”. O número 13 é o número do Partido dos Trabalhadores, de Lula.

Gil disparou: “É o mínimo, né?”. Arthur então finalizou: “Aí eu voto em você, senão eu não voto, não”.

No BBB18, a campeã, Gleici Damasceno já havia disparado um “Lula Livre”. Na época, Lula estava preso na sede da Polícia Federal, em Curitiba.

 

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários