Emissoras Globo

Globo traz ex-atores da Escolinha de volta e faz encontro entre gerações

Antigos e novos atores dos personagens da Escolinha (Foto: Globo/Estevam Avellar)
Antigos e novos atores dos personagens da Escolinha (Foto: Globo/Estevam Avellar)

Escolinha terá encontro entre gerações em nova temporada na Globo

A Globo vai trazer de volta ex-atores da Escolinha do Professor Raimundo na nova temporada do humorístico e fará um encontro artistas que viveram os personagens na versão original e na nova geração.

As participações-surpresa de humoristas da versão original do programa vão abalar as estruturas da escola e dar um ânimo especial à nova temporada. Durante as gravações, o elenco teve a honra de encontrar os veteranos que têm, ainda hoje, sua versão na Escolinha. Vários deles aparecem para encarar a breve missão de responsáveis pelos alunos que já interpretaram um dia. “As participações especiais foram muito emocionantes. Eu sabia de todas porque, como eu participo das falas, tenho que interagir com eles. São pessoas que me viram bem pequeno, então, é uma relação muito especial. Eu fiquei muito feliz mesmo”, conta Bruno Mazzeo.

+ Globo: Malhação: Sophia Abrahão retorna à novela teen; saiba como será

+ Grazi Massafera recebe ajuda de Débora Nascimento para ficar com famoso ator: “Passo o contato”

+ SBT se pronuncia oficialmente sobre polêmica e acidente com Danilo Gentili

Nizo Neto voltou a vestir o figurino de Seu Ptolomeu – o Primeiro – depois de quase 20 anos e contracenou com o atual, Otaviano Costa, mostrando que os trejeitos do nerd ainda estão vivíssimos em sua memória. Outro veterano a dar as caras na Escolinha foi Pedro Bismarck, como Tio de Nerso da Capitinga (Gui Santana). “Eu estou em casa. O programa sempre foi essa descontração, essa alegria e liberdade que nós temos em desenvolver o texto. Tinha muito tempo que eu não fazia o Nerso da ‘Escolinha’, dividindo com alguém, esperando a deixa. Foi muito gostoso”, comentou ao deixar o set.

A visita ilustre de Orlando Drummond, o Seu Peru original da Escolinha, também encantou a todos os presentes no estúdio da Globo. Marcos Caruso, o herdeiro do personagem, não conseguiu segurar as lágrimas ao ver a inspiração personificada. Prestes a completar 100 anos, Orlando recebeu o carinho dos amigos de profissão, que cantaram até parabéns em comemoração ao seu centenário, que será celebrado em outubro. Em cena, o ator interagiu com Caruso e arrancou as gargalhadas da plateia com os trejeitos e bordões que despertam a memória afetiva do público, como o clássico “Estou porrr aqui”.

Acompanhado da família, ao deixar o set, ele agradeceu a oportunidade: “Não tem preço. Enquanto eu estiver vivo, estarei presente com muito amor e carinho. Obrigado, obrigado, obrigado”. Marcos Caruso também ficou extremamente lisonjeado com a ocasião: “A ideia era homenagearmos quem fez primeiro e acabou que nós é que fomos homenageados. Ele demonstra que o talento e a obstinação pela profissão não têm idade”, avaliou. “A ‘Escolinha’ é o lugar para isso, um programa que já é em si uma linda homenagem aos grandes comediantes que criaram tipos inesquecíveis. Ter o Orlando lá foi muito especial”, disse Marcius Melhem.

Cândida (Maria Clara Gueiros) e Tia Cândida (Stella de Freitas) se encontram na sala da direção da Escolinha (Foto: Globo/Estevam Avellar)
Cândida (Maria Clara Gueiros) e Tia Cândida (Stella de Freitas) se encontram na sala da direção da Escolinha (Foto: Globo/Estevam Avellar)

Sempre pronta a ajudar os colegas, Tia Cândida também aproveitou para matar a saudade do Professor Raimundo, agora um pouquinho diferente da última vez em que o viu. Dessa vez, Stella de Freitas foi até a escola para resolver um problema com a sobrinha (Maria Clara Gueiros) na sala do professor. “Fiquei muito emocionada ao ver todos juntos. Tenho muita admiração pelos comediantes que participam dessa nova ‘Escolinha’. É impressionante como todos recriam os personagens acrescentando o seu humor particular e, ao mesmo tempo, a semelhança com os antigos. É um humor da melhor qualidade da TV brasileira”, analisa Stella.

Houve ainda a visita de uma dupla de puxa-sacos de longa data do Professor Raimundo. Foi a vez de David Pinheiro, como Tio Armando Volta, e Eliezer Motta, como Dindo Batista, surpreenderem os alunos com a sua presença, convocada pelos respectivos herdeiros para uma competição de quem gosta mais do mestre. A dupla de humoristas deixou o set extremamente emocionada e comentou sobre a experiência de retornar à sala de aula: “foi fantástico voltar anos depois. Nós éramos a nova geração na época. Agora, somos os jovens velhos”, brincou David. E Eliezer completou, destacando a mistura de sensações daquele momento: “eu não sabia se eu ria, se chorava, se pulava ou se gritava. Eu estou me segurando até agora, mas, daqui a pouco, vou chorar muito.

TV Foco no Youtube

Podcast TV Foco

ANÚNCIOS

Conheça nosso Podcast

ANÚNCIOS

site statistics