Colunas Fez História Xuxa Meneghel

Há 30 anos, Xuxa hipnotizava crianças e adultos, arrebentava na audiência e se “endeusava” em todo o Brasil

Xuxa comandou o Xou da Xuxa por 6 anos, programa de maior sucesso de sua carreira na Globo (Foto Memória Globo)
Xuxa comandou o Xou da Xuxa por 6 anos, programa de maior sucesso de sua carreira na Globo (Foto Memória Globo)
Durante 6 anos na TV Globo, Xuxa comandou o Xou da Xuxa, programa de maior sucesso de sua carreira e responsável por ter substituído o Balão Mágico na emissora. Ao longo de todos esses anos, a loira foi endeusada, se tornou um ícone em todo o Brasil, mas hoje segue um novo rumo na carreira, bastante diferente do passado na Record.  

A nave pousava, a porta abria e lá vinha ela. Uma cena que se repetia diariamente nas manhãs da TV Globo durante 6 anos. As crianças paravam pra ver, os adolescentes se confundiam entre inocência e sensualidade, e os adultos tinham motivos variados que iam das formas da loura, passavam pelas roupas, pelos acessórios.

+ Primo gay de William Bonner, Hugo Bonemer é cercado por quatro homens, apanha feio e expõe a verdade

O Xou da Xuxa parecia magia, encantava a todos. Era campeão de audiência e a Rainha, que na tv a cada manhã ganhava inúmeras faixas e coroas, fora das telinhas acumulava uma fortuna!

Inclusive, estes dias estavam dizendo por aí que a fortuna dela é algo em torno de 1 bilhão de reais. Em recente entrevista, Xuxa declarou que tem dinheiro suficiente até para a faculdade dos netos, e que se não tivesse sido roubada ao longo da carreira, teria muito mais.

+ No Altas Horas, Vera Fischer se revolta com diretor da Globo que afirmou que ela nunca seria atriz e manda recado

De volta ao passado, enquanto ela ensinava o “abecedário”, pintava as cores do “arco-íris”, “brincava de índio”, e fazia um “ilariê” com a concorrência, garantindo diariamente a liderança no horário, o mercado publicitário faturava alto. Eram brinquedos, produtos alimentícios, produtos de beleza, roupas, tinha até um Gibi da Xuxa. Na época, a legislação para publicidades com crianças era outra, então o negócio era bem lucrativo.

+ Homem armado? Crise renal? Há 21 anos, Márcia Goldschmidt estreava no SBT, batia a Globo e se deparava com situações bizarras

Xuxa faturou alto também com seus discos, que venderam mais do que os do Rei Roberto Carlos nos anos 90. E ganhou bastante dinheiro com a bilheteria de filmes, em média 1 milhão de espectadores por ano, foram 17 títulos e entre os mais bem sucedidos estão Super Xuxa contra o Baixo Astral e Lua de Cristal.

+ Ator do SBT, condenado a devolver R$ 340 mil, quebra o silêncio e se pronuncia a respeito do caso

O Brasil ficou pequeno e a Xuxa foi marcando um X em outros territórios. Brilhou na Argentina, na Espanha, no México, chegou até aos Estados Unidos. Foram 17 países ao todo. Rolou até uma espécie de franquia do Xou Xuxa por aí, olha só esse vídeo!

 

Depois de alguns anos, as crianças cresceram e as coisas mudaram. A nave subiu e não desceu mais em 1992, e deu espaço para a Tv Colosso (confesso que eu chorei de soluçar no último programa)! Na época, disseram que a ideia de acabar com o Xou foi da própria Globo, que achava que a Xuxa estava ficando maior que a emissora. A apresentadora alegou que precisava de mais tempo para outros projetos e que a fórmula diária estaria desgastada, bem verdade a audiência já não era tão grande, e algumas vezes o programa global perdia para o SBT!

Depois do fim do Xou da Xuxa, vieram outros programas, alguns com mais sucesso como o Xuxa Park e O Planeta Xuxa, e outros com menos, como o Xuxa e O Mundo da Imaginação. A emissora tentou manter a Rainha no trono, ela voltou para as tardes de sábado, mas as derrotas eram constantes, até o pica-pau ganhava da Xuxa. Parecia que a “Lua de Cristal” estava se apagando depois de brilhar por 30 anos na Globo! Mas em 2015, veio a RecordTV com a promessa de dar um “remelexuxa” na vida da Rainha. No mesmo ano, ela estreou o Xuxa Meneghel, e o que era pra causar um verdadeiro “tindolele”, virou um “bobeou dançou”! Com pouco mais de um ano no ar, o programa foi extinto, entre os motivos: audiência baixa e falta de patrocinadores. Aí rolou uma geladeira e a menina de Santa Rosa, que já tinha conquistado o mundo uma vez, deu a volta por cima.

+Leia outras edições da coluna Fez História, clicando aqui! 

Não é que a Xuxa esteja no melhor momento da carreira, mas o Dancing Brasil e o The Four deram pra ela, para a emissora, e para o público, um novo caminho! Tá bom que a gente vai para sempre querer ver a Xuxa na nave, de bota, mas como ela mesmo disse na entrevista recente que deu: “É preciso evoluir, amadurecer, envelhecer”.

Parabéns pra Xuxa que fez 56 anos essa semana. E que ela siga fazendo o que fizer, tentando o melhor do que já fez, esteja o destino onde estiver, buscando a sorte e sendo feliz!

Essa coluna foi escrita pelo jornalista e repórter Alex Sampaio. Siga ele no Instagram, clicando aqui. 

SIGA O TVFOCO NO INSTAGRAM E FIQUE POR DENTRO DE TUDO! CLIQUE/TOQUE AQUI.

ANÚNCIOS

ANÚNCIOS

Comentários recentes

CONHEÇA

ASSISTA!

;