Agora

Agora

Honda e Yamaha por até R$9 mil: 4 motos INCRÍVEIS para você comprar sem se arrepender em 2023

Conheça as motos incríveis de marcas como Honda e Yamaha e que cabem no bolso (Foto Reprodução/Montagem/Tv Foco)
Conheça as motos incríveis de marcas como Honda e Yamaha e que cabem no bolso (Foto Reprodução/Montagem/Tv Foco)

Conheça as 4 motos incríveis de marcas como Honda e Yamaha que cabem no bolso e entregam tudo em 2023!

Se você ama a vida sob duas rodas, já deve ter sonhado noites a fio com uma moto em sua garagem, não é mesmo?! Pois saiba que é possível realizar esse sonho gastando menos de 10 mil reais.

É certo que se você ainda não tem condições de comprar um modelo 0 KM, os modelos semi-novos podem ser uma ótima opção.

Mas, de acordo com o portal Pronatec, é possível encontrar modelos acessíveis, de marcas renomadas como Honda, Yamaha, e outras que podem te surpreender neste ano de 2023

É possível comprar aquela moto 0km que cabe no bolso (Foto Reprodução/Internet)
É possível comprar uma moto sonhada de marcas como Honda e Yamaha no precinho que cabe no bolso (Foto Reprodução/Freepik)

Honda Pop 110i (R$ 5.598)

Todos que amam a vida sob duas rodas sabem que a Honda Pop 110i é uma das opções mais baratas do Brasil.  Desenvolvida para ser um meio de transporte robusto e econômico, a Pop 110i faz até 43 km/litro na cidade. Como seu tanque tem 4,2 litros de capacidade, pode-se rodar até 180 km sem abastecer.

Equipada com motor de 110 cc, alimentado por injeção eletrônica, a Pop tem 7,9 cv de potência e 0,90 kgf.m de torque.

Veja também

Em função de sua proposta de ser mais acessível, só tem partida a pedal e os freios são a tambor.

O câmbio tem quatro marchas como na Biz, mas a Pop tem manete de embreagem. Por outro lado, a Pop ainda é leve (87 kg a seco) e fácil de pilotar.

Apesar dos números modestos, a Pop se mostra muito valente em regiões como o Nordeste. Lá essa motoneta popular é vista transportando até quatro pessoas em seu grande banco.

Honda Pop 110i (Foto Reprodução/Internet)
Honda Pop 110i (Foto Reprodução/Internet)

2-Yamaha Factor 125i ( R$ 8.090)

Pra quem procura robustez mas não se preocupa tanto assim com desemprenho, a Yamaha Factor 125i é uma ótima sugestão.

A lista de equipamentos de série que facilitam a vida do motociclista é extensa. Primeiramente ela conta com o freio a disco na dianteira, que garante frenagens mais eficientes, assim como as rodas de liga leve que dispensam manutenção e ainda podem usar pneus sem câmara.

Ela também possui um painel totalmente digital completa a lista de “luxos” do modelo. Fora que ela é o único modelo da Yamaha com motor de 125cc bicombustível

Yamaha Factor 125i (Foto Reprodução/Internet)
Yamaha Factor 125i (Foto Reprodução/Internet)

O motor de 125 cc tem 11 cv de potência máxima e 1,1 kgf.m de torque, SE abastecido com gasolina.

O propulsor usa injeção eletrônica de combustível e pode ser abastecido com etanol ou gasolina.

3- Shineray Worker 125 (8 mil)

A Shineray Worker 125 é uma das motos populares mais robustas do que as outras. Perfeita para rodar em diferentes tipos de terreno, ela possui motor de 123,6 cc e ainda  oferece um desempenho sólido.

Possui uma suspensão que permite uma melhor pilotagem, além de oferecer baixo consumo de combustível e boa ergonomia

Shineray Worker 125 (Foto Reprodução/Internet)
Shineray Worker 125 (Foto Reprodução/Internet)

Honda PCX 150 (9 mil)

Se você procura uma moto mais pesada e mais resistente, a Honda PCX é uma ótima opção. Ela é versátil, econômica e ideal para uso urbano. Ela é mais robusta, mas oferece conforto e praticidade também.

Uma das características de maior vantagem da PCX é o consumo de combustível, visto que as motos dessa linha de scooters têm uma excelente rodagem. Por isso, são indicadas para quem quer gastar pouco.

Ela consegue rodar até 35 km/litro.

Honda PCX 150 (Foto Reprodução/Internet)
Honda PCX 150 (Foto Reprodução/Internet)

Qual foi a primeira moto do Brasil?

A paixão por motos no país começou no início do século XX, quando modelos europeus e norte-americanos começaram a ser importados para o país.

De acordo com o portal Pantaneiro Capas,  por serem importadas, as motos eram bastante caras e as pessoas precisam desembolsar valores bastante altos para adquirirem o produto.

A Primeira Motocicleta fabricada no Brasil, a Monark (Foto Reprodução/Blogger)
A Primeira Motocicleta fabricada no Brasil, a Monark (Foto Reprodução/Blogger)

Mas foi apenas na década de 50, mais de 50 anos após a invenção da motocicleta, que o primeiro modelo de duas rodas foi fabricado no Brasil. Trata-se da Monark, fabricada em São Paulo, que ainda usava um motor importado.

A empresa lançou três modelos, sendo dois com propulsores CZ e Jawa (da antiga Checoslováquia, hoje, Tcheca e Eslováquia) e um ciclomotor com motor NSU (da Alemanha).

🚨 Casa de Vidro no BBB24? + Fãs de Davi pedem a expulsão de Yasmin Brunet + Jojo recebe convite de Bolsonaro 

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Assuntos

HondaMotosYamaha

Quem escreve

Lennita Lee

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia e os bastidores das principais emissoras brasileiras. Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ... Atualmente escrevo notícias sobre os últimos acontecimentos do cenário econômico, bem como novidades sobre os principais benefícios e programas sociais.