Agora

Agora

Pode MATAR: A interdição às pressas da ANVISA contra marca de macarrão e leite retirada dos mercados

Fachada da Anvisa e marcas de leite e macarrão (Foto: Reprodução / Canva / Montagem TV Foco)
Fachada da Anvisa e marcas de leite e macarrão (Foto: Reprodução / Canva / Montagem TV Foco)

Marcas amadas da foram interditadas às pressas

A Anvisa (Agência Nacional da Vigilância Sanitária) está sempre agindo para impedir que os consumidores corram riscos sanitários. E isso vai variar de alimentícios, cosméticos e remédios. Dessa vez, por exemplo, falaremos sobre a proibição de venda de marca famosa de macarrão e de leite que foram retiradas dos mercados.

A Natville, marca de leites, por exemplo, foi suspensa pela Anvisa, após ter sido registrada a falta de condições de higiene ou controle de qualidade, além de não ter autorização do Ministério da Agricultura e Pecuária para a produção. A medida foi determinada em janeiro de 2023.

SAIBA MAIS! Urgente para pais e mães: Anvisa faz proibição de produto amado e o retira do mercado por risco às crianças

“Nos rótulos dos produtos consta a informação errônea de que eles teriam sido fabricados por uma filial da empresa”, explica o órgão.

O Ministério Público de Sergipe (MPSE) em sua petição disse que além do risco para a saúde pública, também foi evidenciado que a indústria possivelmente adulterou seus produtos, ao colocá-los à disposição do consumo humano com a aparência e as características de outro produto.

Veja também

A suspensão envolveu o leite UHT integral, o leite UHT desnatado (embalagem de 1 litro) e o soro de leite em pó parcialmente desmineralizado 40% (embalagem de 25 kg) que tenham sido fabricados entre janeiro e maio de 2023. Atualmente a produção foi normalizada, segundo informações do site da empresa.

A Natville não publicou nada em suas redes sociais, sem fazer referência a ação da vigilância sanitária. No seu site oficial, entretanto, uma nota foi publicada:

Nota da Natville (Reprodução - Site oficial)
Nota da Natville (Foto: Reprodução / Site oficial da empresa)

OUTRA SUSPEITA DE CONTAMINAÇÃO?

Em setembro de 2022, o órgão fiscalizador proibiu a venda, distribuição e uso das massas alimentícias da empresa BBBR Indústria e Comércio de Macarrão, fabricados entre 25 de julho e 24 de agosto daquele ano, segundo informações do site da CNN Brasil.

A Anvisa identificou o uso do insumo contaminado como ingrediente na linha de produção de suas massas. E segundo dados, a empresa possui nome fantasia Keishi e é responsável pela produção e comércio de vários tipos de massas de estilo oriental, tais como udon, yakisoba, lámen, além de massas de salgados como gyoza.

Vale destacar que tanto a Anvisa, como o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e órgãos de Vigilância Sanitária locais, investigaram e inspecionaram as empresas envolvidas. Vale pontuar que na época, os produtos foram retirados do mercado.

Após o ocorrido, não foram mais registrados outros lotes da marca contaminados e a empresa segue comercializando normalmente os seus produtos.

Keishi (Foto: Reprodução/ Internet)
Keishi (Foto: Reprodução / Keishi)

🚨 Isabelle agora é ESCORRAÇADA + Rodriguinho CRAVA Davi traído + Susana Vieira DETONA colegas 

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Quem escreve

Diego Laureano

Sou formado em Teatro, Produção Audiovisual e Jornalismo e completamente apaixonado por comunicação. Já atuei em emissoras de TV como Assistente de Produção e Redator em portais de entretenimento. Escrevo sobre televisão e seus bastidores, com responsabilidade, clareza, leveza e muito amor desde 2008. Mas a minha realização profissional está no Departamento de Novelas e Realities, no qual faço parte no TV Foco desde 2022. Além de Redator, atuo como Co-Apresentador das Lives do site no YouTube, às terças e sextas-feiras. Minhas redes sociais são: [email protected]