Jair Bolsonaro Jô Soares

Jô Soares manda carta em francês para Bolsonaro e debocha do seu filho: “Embaixador de lanchonete”

Jô Soares manda carta em francês para Bolsonaro e debocha do seu filho: "Embaixador de lanchonete" Foto: Reprodução
Jô Soares manda carta em francês para Bolsonaro e debocha do seu filho: “Embaixador de lanchonete” Foto: Reprodução

O humorista e escritor Jô Soares publicou uma carta aberta escrita em francês, para o presidente Jair Bolsonaro, onde ironiza a indicação de Eduardo Bolsonaro para o cargo de embaixador nos EUA

O apresentador e escritor Jô Soares voltou a provocar o presidente Jair Bolsonaro nesta segunda-feira (22). O humorista usou da ironia para criticar o posicionamento do político sobre a indicação do Deputado Federal por São Paulo, Eduardo Bolsonaro, para o cargo de embaixador nos Estados Unidos.

Lília Cabral abre o jogo sobre suposta briga com Marina Ruy Barbosa na Globo e fala de polêmicas na novela O Sétimo Guardião

Ex-bailarina do Domingão do Faustão torna público motivos de demissões no programa da Globo

A Dona do Pedaço: Amadeu tenta interferir mais uma vez na vida de Maria da Paz e faz alerta

O artigo foi divulgado pela Folha de São Paulo e o diferencial é o fato do texto ter sido escrito em francês. Jô entrou no grupo dos que são contrários a indicação do filho do presidente Bolsonaro para representar o Brasil no país administrado pelo empresário Donald Trump.

Para poder debochar da decisão de Bolsonaro, o comunicador trouxe fatos históricos de ditadores que indicaram seus filhos para cargos públicos sem conter formação em diplomacia ou experiência na área. “Senhor Presidente: desde que eu sou, troglodita, você fala multilingue, eu começo francês, linguagem da diplomacia mundial para que ninguém duvide. Parabéns! Parabéns! Parabéns! Ótima ideia nomear seu filho Eduardo como embaixador!”, escreveu Jô.

Em um trecho, Jô Soares lembra Bolsonaro “Aussi, si nous avons deja um ex-president, FHC, pourquoi ne pas tenté aussi um ambassadeur KFC?”, algo como: Se nós já tivemos um presidente FHC, porque não um embaixador KFC?, se referindo à rede de fast food especializada em frango.

E o humorista ainda se refere ao respeito às regras, ao esperar o filho de Jair Bolsonaro completar 35 anos: “Tout come il faut respetant les regles: premier, comemoré la idé certe, 35 ans. Alors, petite feste, troque de petit presents etc.”

Não é a primeira vez que o humorista voltou a ironizar uma ação do presidente. Em abril, ele declarou que já foi alvo de chacota. Naquele período, Bolsonaro declarou que o nazismo era de esquerda, mas foi desmentido por historiadores alemães. Os estudiosos europeus afirmaram que o nazismo ficava no espectro direito da política.

+Marília Mendonça compartilha foto nua e mostra a barriga de grávida em seu segundo mês

“Caro presidente Jair Bolsonaro. Entendo a reação provocada quando o senhor afirmou que o nazismo era de esquerda. Isso se deve ao fato de que, depois da Primeira Guerra Mundial, vários pequenos grupos se formaram, à direita e à esquerda”, declarou Jô no começo do ano. A relação entre Jô Soares e Bolsonaro não é das melhores. Em 2016, na última temporada do seu talk-show, o humorista criticou o comportamento do então deputado ao citar Brilhante Ustra na votação do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. O nome do humorista entrou entre os temas mais comentados das redes sociais.

Quer saber mais notícias? Acompanhe Nayara Bolognesi no Instagram clicando aqui!

 

SIGA O TVFOCO NO INSTAGRAM E FIQUE POR DENTRO DE TUDO! CLIQUE/TOQUE AQUI.

ANÚNCIOS

ANÚNCIOS

Comentários recentes

CONHEÇA

ASSISTA!

;