Celebridades

CelebridadesGlobo

Jornalista da Globo é ridicularizada ao vivo em jornal e canal tira exibição do ar às pressas após surto

Jornalista da Globo (Foto: Reprodução)
Jornalista da Globo (Foto: Reprodução)

Em exibição de afiliada da TV Globo, jornalista rouba a cena após reportagem

Em uma edição do Jornal Manhã  da TV Bahia, afiliada da TV Globo, um momento icônico viralizou nas redes sociais. Isso porque, a repórter Adriana Oliveira resolveu soltar a voz e foi zoada pelos colegas Vanderson Nascimento e Ricardo Ishmael.

Os dois estavam nos estúdios enquanto a jornalista estava fazendo uma reportagem sobre o Museu Cidade da Música. Em um momento, ela quis mostrar que quem fosse ao museu poderia escolher uma das canções e soltar a voz no karaoque. E a jornalista da Globo aproveitou para cantarolar um pouquinho.

Mas, como o talento para a música não é muito o seu forte, ela deu uma desafinada e acabou zoada pelos colegas. “Adriana Oliveira você é uma excelente repórter”, disse Ricardo para a colegar de TV Globo. E então, ele quis seguir com a programação, mas, o colega de bancada não parava de rir.

“Para de rir Vanderson Nascimento”, advertiu ele brincando. Em seguida, o jornalista se dirigiu ao pessoal de casa. “Chamar a sua participação, tem a reportagem completa”, disse ele. Enquanto isso, Vanderson Nascimento seguia rindo da colega e não conseguia se controlar. “Desculpa gente”, disse o jornalista da Globo antes do telejornal acabar.

O vídeo foi mostrado no perfil Virei Jornalista do Instagram e rendeu boas risadas do público. Todos foram bem humorados e brincaram que na vida eles seriam Vanderson Nascimento.

Veja também

Jornalista da Globo fala do 11 de setembro e o horror 20 anos depois

Em entrevista ao UOL, jornalista da Globo comentou sobre horror do 11 de setembro. Hoje completa 20 anos dos ataques terroristas contra as Torres Gêmeas e quem estava a frente da cobertura na época era Edney Silvestre.

O jornalista da TV Globo comentou como foi informar detalhes da tragédia. “Ninguém esquece o horror, mesmo sem saber a extensão dele. O que eu tinha certeza é que nenhum voo era permitido sobre a ilha de Manhattan, nem de aviões pequenos de treino. Fiquei perplexo. Sabia que não podia ter sido um acidente. Mas… terrorismo? Era difícil de acreditar”, contou ele.

Além disso, ele ainda falou como foi o choque pós acidente. “Quando subi as escadas do metrô, lá pelo fim da noite, depois de todas as reportagens terem ido ao ar, saí na Sétima Avenida e, ao fundo, não havia mais a visão que tive naqueles dez anos morando ali: as torres tinham sumido. Só havia fumaça no lugar delas”, disse o contratado da Globo.

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Quem escreve

Larisse Oliveira

Interessada no meio artístico e por dentro do mundo dos famosos, trabalho trazendo as novidades dos artistas.

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários