CONFIRA

Acabou! Justiça determina falência de loja mais amada pelos brasileiros após crise irreversível

29/06/2024 às 11h40

Por: Larissa Caixeta
Imagem PreCarregada
Justiça crava falência de loja mais amada dos brasileiros (Foto: Reprodução/ Internet)

Se surpreenda com a falência de uma loja muito amada pelos brasileiros após decisão da justiça para que a gigante fechasse as portas após crise astronômica

Todo mundo sabe que gerir um negócio não é uma das tarefas mais fáceis do mundo. Isso porque uma série de situações pode levar ao fim de um grande empreendimento. Nessa matéria, por exemplo, falaremos de uma famosa loja de que acabou sucumbindo a crise e infelizmente teve falência decretada pela justiça.

Para quem não sabe, estamos falando sobre a livraria Saraiva. Icônica livraria brasileira com mais de 70 anos de história, enfrentou um momento delicado em sua trajetória. A empresa, que já foi sinônimo de cultura e conhecimento para milhares de brasileiros, lutou para se reerguer após um processo de recuperação judicial iniciado em 2018.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No entanto, em outubro de 2023, segundo informações divulgadas pelo portal ‘G1’, da Globo, a 2ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais da Capital decretou a falência da rede. O pedido foi feito pela própria empresa no processo de recuperação judicial, em razão de dívida astronômica de R$ 675 milhões, assim, sendo forçada a fechar as portas.

Falência
A livraria Saraiva teve falência decretada pela Justiça (Foto: Divulgação/Internet)

Na decisão, o juiz Paulo Furtado de Oliveira Filho reconheceu o “descumprimento do plano de recuperação judicial e determinou a suspensão de ações e execuções contra a falida e a apresentação da relação de credores”. A loja de shopping admitiu sua própria insolvência, após passar quase cinco anos em recuperação judicial.

Continua após o Veja Também

Veja também

Em 2020, a Saraiva foi adquirida pela Fundo Urca, um grupo de investimentos brasileiro, por R$ 125 milhões. A nova gestão implementou um plano de reestruturação que incluiu a modernização das lojas, a expansão do e-commerce e mais. No entanto, em 6 de outubro de 2023, a Justiça de SP decretou a falência da Saraiva.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A rede foi à falência em outubro de 2023 (Reprodução: Internet)
A rede foi à falência em outubro de 2023 (Reprodução: Internet)

Ao longo dos últimos anos, a Saraiva vinha passando por uma série de situações delicadas. Isso porque a empresa amada pelos brasileiros, que já teve cerca de 100 lojas, vinha fechando várias unidades espalhadas pelo Brasil. As últimas 5 livrarias físicas foram fechadas antes do decreto de falência e todos os funcionários foram demitidos.

Saraiva (Reprodução/Internet)

Qual a diferença entre falência e recuperação judicial?

Segundo informações do portal Vem Pra Dome, ambos os institutos procuram a satisfação de dívidas de uma empresa. Contudo, a principal diferença está na continuidade ou não do empreendimento. No caso da recuperação judicial, se ganha tempo para recuperar a capacidade de gerar resultados na empresa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por outro lado, na falência, não existe a reestruturação do negócio e ele acaba fechando as portas. A ideia por trás da recuperação judicial é manter o negócio ativo, gerando empregos e possibilitando que a empresa consiga pagar as suas dívidas. Na falência, ocorre o encerramento do negócio, considerado irrecuperável.

🚨 Tati Machado titular do Encontro + Estrelas intocáveis da Globo + Datena fora da Band: "Não tem dinheiro"    

Destaque
falência
livraria
Saraiva
Larissa Caixeta

Prazer, eu sou a Larissa Caixeta e se tem uma coisa que eu amo é escrever sobre os bastidores da TV, e tudo o que acontece pelo mundo. Integro a equipe do TV Foco desde 2023 e falo sobre os mais diversos assuntos por aqui, como famosos, carros, futebol, entre outras curiosidades. Estou sempre antenada aos os últimos acontecimentos e atuo com muito entusiasmo no meu trabalho.

Botão de fechar
Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.