Destaque Record

Justiça obriga Record a reintegrar 600 funcionários demitidos

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

A Record demitiu 600 profissionais dos estúdios do Recnov, em Vargem Grande, no Rio, onde fica a cidade cenográfica das novelas e dos estúdios do “Xuxa Meneghel”, em novembro do ano passado, com a intenção de economizar, após faturar com “Os Dez Mandamentos”.

Após o fim da novela, o canal arrendou os estúdios do Recnov por 5 anos para a produtora Casablanca, que agora se tornou responsável por todo o setor de teledramaturgia, que acabou sendo terceirizado. Mas ela foi surpreendida com uma decisão da Justiça na última terça-feira (16).

Uma ação trabalhista coletiva, ajuizada pelo Sindicato dos Radialistas do Rio de Janeiro contra o Recnov, recebeu decisão favorável aos trabalhadores. De acordo com o colunista Flávio Ricco, essa decisão obriga que os 600 empregados demitidos sejam reintegrado em 20 dias.

Recnov foi terceirizado (Foto: Reprodução)
Recnov foi terceirizado (Foto: Reprodução)

A multa diária, caso a pena não seja cumprida, será de R$ 500,00 por empregado, em favor dos próprios trabalhadores. Além disso, antes de qualquer outra dispensa, o Recnov terá que comunicar ao Sindicato, e será multado em caso dispensa coletiva, com quantidade fora dos padrões.

Segundo a publicação, uma mesma ação será realizada na cidade para tentar reverter demissões que se efetivaram na sede da Record na Barra Funda.

TV Foco no Youtube

Amor de Mãe

ANÚNCIO

Conheça nosso Podcast

ANÚNCIO

site statistics