Novelas

Laços de Família tem racismo escancarado após 20 anos e Globo toma decisão radical sobre novela

Yvete, personagem de Laços de Família - Foto: Reprodução
Yvete, personagem de Laços de Família – Foto: Reprodução

Falas racistas são escancaradas em Laços de Família, novela das 21h da Globo que está sendo reprisada no Vale a Pena Ver de Novo atualmente

A Globo está reprisando atualmente a novela Laços de Família, exibida originalmente no ano 2000 e sendo reprisada mais uma vez agora, vinte anos depois. Como se trata de uma trama que se passou em outro contexto histórico e social, algumas polêmicas estão sendo revisitadas e notadas somente agora.

Outras, no entanto, nem chegam ao ar e são radicalmente cortadas pela Globo, como foi o caso do racismo escancarado envolvendo uma conversa entre funcionários do salão de beleza da protagonista, Helena (Vera Fischer), quando eles vão à praia e comentam sobre o interesse de Laerte (Luciano Quirino) por Antônia (Monique Curi).

+Nego do Borel tem relação íntima exposta com Anitta após explosão de foto quente: “Fez a três”

+Após chantagem contra a Globo, Ana Maria Braga arrebenta em recado sobre mulher: “Incomoda”

+Após negar reconciliação a Gusttavo Lima, Andressa Suita vem à público e denuncia a realidade

“Muito gente fina, um cara honesto, sensível. Um homem bem resolvido. Acho que é um partidão”, disse Yvete (Soraya Ravenle). “Eu dou a maior força, Antônia. E se tu não quiser, eu quero. Tô na fila”, respondeu Márcia (Inez Viana). Em 2020, a conversa parou por aí. Em 2000, no entanto, foi além.

Racismo em Laços de Família

O destaque na continuação seria comentários sobre a cor de pele de Laerte. “Engraçado, negro tem sempre cara de homem. Não sei te explicar, mas é uma coisa assim… Forte…”, disse Yvete na exibição original. Ela prosseguirá contando uma experiência de sua vida envolvendo um relacionamento com negro.

Camila e Helena em cena da novela Laços de Família - Foto: Reprodução
Camila e Helena em cena da novela Laços de Família – Foto: Reprodução

A fala continua…

“Uma vez, eu era bem mocinha, tinha uns 18 anos, eu namorei um negro. Namorico de escola. Foi tão bom. Nós vivemos momentos intensos, ardentes para ser mais precisa”, disse. “Dizem que eles são umas coisas, que Deus foi extremamente generoso com a raça. Uma coisa assim… Notável”, respondeu Márcia.

 

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Fernando Lopes

Escreve sobre televisão desde 2013.