Atenção

Aumento na idade mínima, exigência em farol e multa pesada: 3 novas leis das motos abalam donos de Honda e+

27/05/2024 às 13h34

Por: Gabriel Amaral
Imagem PreCarregada
Leis de trânsito com multa pesada aos donos de motos da Honda e outras (Reprodução: Montagem TV Foco)

Os donos de motos no Brasil, como da Honda e Yamaha, precisam sempre estar por dentro das leis em vigor

As leis no trânsito estão em constantes mudanças e uma das mais novas, envolvendo as motos, aconteceu em abril de 2021. Portanto, os donos de Honda, Yamaha e outras precisam se atentar para que não arquem com caras multas.

Siga o Tv Foco no Telegram

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Segundo as informações do Detran, hoje em dia há mais de 17 milhões de motoqueiros no país. Assim, além dos cuidados nas ruas, também precisam se ligar nas normas, para não infringir nenhuma.

De acordo com o portal ‘Mobilidade’, do Estadão, o dia 12 de abril de 2021 ficou marcado pela Lei 14.071/20 entrar em vigor. Ela trouxe mudanças importantes no Código de Trânsito Brasileiro, que mudou questões na CNH até mesmo a punição na questão das infrações.

Algumas das mudanças afetaram diretamente os motociclistas, como por exemplo a idade mínima para levar uma pessoa na garupa. Até então o CTB proibia levar criança na moto com menos de 7 anos de idade. Desde então passou a ser de 10 anos.

Siga o Tv Foco no WhatsApp

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


Crianças na garupa da moto apenas a partir dos 10 anos (Reprodução: Internet)
Crianças na garupa da moto apenas a partir dos 10 anos (Reprodução: Internet)

Vale lembrar que mesmo que a criança atinja essa idade, ela tem que apresentar condições para que possa cuidar de sua própria segurança na garupa.

Veja também

Andar com o farol apagado, na época, se considerava uma infração gravíssima, com multa no valor de R$293,47, além do recolhimento da CNH, dando fim ao direito de pilotar a moto.

Desde abril de 2021, essa atitude resulta em uma infração média, com uma multa de R$130,16 e mais 4 pontos na carteira. Assim, os donos da Honda e Yamaha não correm o risco de perder os veículos apenas na primeira punição.

Motoqueiros precisam andar com o farol ligado (Reprodução: Internet)
Motoqueiros precisam andar com o farol ligado (Reprodução: Internet)

Andar sem viseira

Andar sem viseira, antigamente, poderia se enquadrar em dois tipos de infração, isso porque analisavam de duas formas diferentes. Pelo CTB, andar sem a viseira considerava uma infração gravíssima, com multa de R$293 e CNH apreendida.

no Conselho Nacional do Trânsito, andar com a viseira levantada era uma infração leve, com multa de 88 reais. Agora, tudo se unificou e dá uma punição única em ambos os casos.

Ainda segundo o site do Estadão, a infração é média, com uma multa de R$130 e a retenção do veículo até que esteja com tudo nos conformes.

Andar com a viseira aberta dá multa de R$130 (Reprodução: Internet)
Andar com a viseira aberta dá multa de R$130 (Reprodução: Internet)

Qual o valor do IPVA em São Paulo para motos?

O valor do IPVA não é fixo, isso porque varia de acordo com o preço do veículo. No caso de São Paulo, para as motos, se cobra 2% do valor do modelo. Portanto se custa R$10 mil, o proprietário terá que pagar 200 reais.

🚨 Desfecho de Huck na Globo após 24 anos + Estrela do SBT sofre h3morragia + Homem diz ser filho de Chrystian   

Autor(a):

Eu sou Gabriel Amaral, jornalista, formado na Universidade Anhembi Morumbi em 2021. Apaixonado por qualquer tipo de esporte, torcedor do São Paulo e adoro me perder assistindo filmes e séries dos mais variados gêneros e fã da música sertaneja. Faço matérias variadas sobre as celebridades e suas mansões. gabriel.amaral@otvfoco.com.br. Minhas redes sociais são:

Botão de fechar
Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.