Celebridades Luisa Mell

Luisa Mell é acusada de espalhar fake news após fazer críticas ao sacrifício animal na umbanda: “Mata e destrói vidas”

Luisa Mell foi massacrada por internautas (Foto: Reprodução/Instagram)

Luisa Mell sofreu um verdadeiro massacre de internautas nas redes sociais após criticar a decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) de liberar o sacrifício animal em religiões de matriz africana no Brasil. A loira – que é ativista dos animais há diversos anos e um dos maiores nome dessa luta na atualidade – foi determinantemente contra a aprovação e usou seu Instagram para dar sua opinião, que foi recebida com muita fúria por parte da web.

+ Luisa Mell é ameaçada de morte, aparece desesperada e desabafa

“Religiões de matriz africana NÃO sacrificam animais de estimação e todo animal morto em rituais É CONSUMIDO, não tem muita diferença em comprar em um mercado. A Luisa Mell espalhar tal notícia falsa é alimentar uma intolerância religiosa que MATA e DESTRÓI vidas”, se revoltou uma mulher no Twitter. “Obrigado, Luisa Mell, por ter espalhado várias mentiras racistas sobre a nossa causa e agora eu tenho que argumentar com as pessoas que o veganismo não é pautado na intolerância”, ironizou um rapaz.

+ Anitta se depara com situação chocante e ajuda a amiga Luisa Mell

“O inimigo é outro, . Lute contra exploração capitalista dos animais, industria de frigorifico e do couro, não contra o culto ancestral de um povo já oprimido. Sua declaração alimenta violência contra pessoas, mas você parece não se importar, perdeu meu respeito”, avisou outro.

Apesar de ter recebido diversas críticas, a defensora dos animais recebeu apoio por parte dos fãs, que concordaram com o seu posicionamento. A famosa excluiu a publicação do Instagram após a repercussão.

LUISA MELL SE REVOLTA COM DECISÃO DO STF

Conhecida por ser a ativista que mais defende os animais, Luisa Mell causou polêmica ao publicar um texto a respeito de uma suposta decisão do STF de que seria constitucional o sacrifício de animais em questões religiosas. No entanto na web, a galera descordou do pensamento dela e acrescentou que ela estava espalhando Fake News e detonaram a loira nas redes sociais.

A apresentadora Luisa Mell
Luisa Mell (Foto: Reprodução)

“Degolar este inocente cachorrinho, se for em ritual religioso está liberado! Esta foi a triste decisão do STF ontem! Por unanimidade nossos Ministros decidiram que a degola de um animal para fins religiosos não envolve crueldade ou maus tratos. É de uma barbaridade tão grande que nos faz pensar se realmente estamos vivendo um retorno à Idade Média. Não importa a religião ou credo em discussão o foco da Justiça deveria ser a vítima e não o segmento da sociedade que se sente prejudicado por não poder ‘vilanizar’ essa vítima”, disparou a famosa.

+ Luísa Mell faz apelo desesperador após resgate de cachorros; cenas fortes são divulgadas

E continuou: “Eles só aprovaram esse absurdo porque animais ainda são vistos como coisas ou entes menos importantes que seres humanos. Nada diferente de quando, em um determinado momento da História, alguns humanos justificavam o abuso de outros humanos simplesmente pela diferença em sua cor, religião… Até quando vamos permitir que a degola de um ser vivo seja vista como algo trivial e tranquila? Respeito todas as religiões… dentro de cada uma existe a possibilidade de agradar ao seu superior (Cada um tem um Deus) de outra maneira sem envolver crueldade, morte… Só me resta pedir perdão aos animais… eu particularmente, me sinto próxima de Deus quando salvo algum animal! Para mim Deus é isso! Amor, compaixão, solidariedade… salvar e não matar!”

SIGA O TVFOCO NO INSTAGRAM E FIQUE POR DENTRO DE TUDO! CLIQUE/TOQUE AQUI.

ANÚNCIOS

ANÚNCIOS

Comentários recentes

CONHEÇA

ASSISTA!