Mundo

Mundo

Massacres, tiroteios e atentados: Com política armamentista, Estados Unidos seguem sendo alvos para casos de terrorismo no mundo

Estados Unidos somam 300 milhões de armas em circulação, para uma população de 319 milhões de pessoas

+Benedito Ruy Barbosa vai a público, revela não assistir Pantanal e motivo chocante é dado 

+Silvio Santos faz decisão surpresa, da ordem soberana e retira todo o elenco do ‘Jogo dos pontinhos’

Com quase uma arma por pessoa, Estados Unidos da América segue sendo vítima de atentados terroristas

A política armamentista dos Estados Unidos é base para discursos de diversos políticos ao redor do mundo, inclusive, Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil, usou da justificativa de que as armas protegeriam o brasileiro, em sua campanha eleitoral pró armamento em 2018.

Mas, os Estados Unidos seguem sofrendo com ataques e atentados, massacres e tiroteios principalmente destinados a escolas e locais onde aglomeram grande público jovem.

Só em 2022 já foram registrados dois grandes atentados com arma de fogo nos Estados Unidos, o de Buffalo, no qual um jovem assassinou 18 pessoas e o de Uvalde, no Texas, em que outro rapaz tirou a vida de 19 estudantes e 3 adultos em uma escola.

Veja também

Dylan Roof, autor de um dos mais assustadores massacres racistas dos Estados Unidos (Reprodução - G1)
Dylan Roof, autor de um dos mais assustadores massacres racistas dos Estados Unidos (Reprodução – G1)

Já não é história nova os massacres nos Estados Unidos, nas últimas décadas, ao menos 12 atentados semelhantes aconteceram na terra do tio Sam, sempre com enredo parecido, um jovem atacando uma escola e matando principalmente crianças e adolescentes.

O mais letal, até hoje, ocorreu em 2012 no estado de Connecticut, quando um homem com um rifle invadiu a escola infantil Sandy Hook, em Newtown, e matou 20 alunos e 6 adultos. Esse jovem cometeu o atentado após matar a sua família em casa, e depois de matar as 26 pessoas, ele tirou a própria vida.

O atentado de Columbine, em 1999, é um dos mais conhecidos pelas pessoas, dois garotos invadiram a Columbine High School e mataram 13 pessoas. Segundo testemunhas, eles procuravam alvos específicos, como atletas e representantes das minorias.

Massacre de Santa Fé, Red Lake, Cleveland, West Nickel Mines, Arkansas, Lindhurst… entre outros vários casos que aconteceram somam na vasta lista que o país leva manchado de muito sangue, só nas citadas acima, mais de 130 pessoas morreram.

POPULAÇÃO ARMADA É POPULAÇÃO SEGURA?

Fato curioso é que a política armamentista dos Estados Unidos fazem com que a população tenha facilidade em vários estados a adquirir armas de fogo de pequeno, médio e grande porte.

Um dado levantado pela CNN Brasil mostra que mais de 300 milhões de armas de fogo circulam pelos Estados Unidos, país esse que tem uma população de 319 milhões de pessoas.

Ou seja, quase uma arma por pessoa no país que soma atentados, massacres, tiroteios e famílias com a história precocemente encerrada.

VÍDEO YOUTUBE: Luto! Anne Lottermann, do Faustão, encara a morte de perto

Quem escreve

Bruno Zanchetta

O Jornalismo é a minha vida e está presente nas 24 horas do meu dia. Quando você consome uma informação e se preocupa que ela seja verídica, isso é jornalismo, quando você compartilha uma informação verdadeira, é jornalismo, quando você ensina sobre políticas sociais e consciência de classe, jornalismo. Eu particularmente sou um completo apaixonado por Jornalismo Esportivo, sou narrador e quem sabe um dia vocês ouvirão minha voz na sua televisão ou no seu rádio.

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários